Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Alma-gêmea


Alma-gêmea é uma expressão muito utilizada, mas o verdadeiro significado da expressão só é compreendida por aqueles, abençoados, que têm a felicidade de encontrar a sua alma-gêmea, principalmente se estas forem complementares nas versões masculina e feminina, quando isso acontece no plano terreno fortes e variadas emoções acontecem, estabelecendo uma perfeita sintonia, quase não sendo necessário as palavras para se compreenderem, há um encaixe perfeito a todos os níveis: amor, amizade, companherismo, sensual, sexual, intelectual. Estabelece-se uma comunicação em todos os sentidos, gerando uma confiança total e irrestrita, fazendo com que ambos se sintam tão à vontade como se estivessem consigo mesmo, talvez até mais á vontade ainda. A sintonia é de tal forma perfeita, que mesmo separadas na dimensão física conseguem o inacreditável, "fazer amor por telepatia" numa total entrega sem reservas, dando e recebendo prazer, que mesmo depois que deixam de estar sintonizados, os efeitos perduram por algum tempo.
O encontro de duas almas gêmeas complementares gera uma relação muito íntima e forte, com especial carinho, ternura, sensualidade, com respeito, de tal forma que até uma palavra mais vulgar dita, não fere, não magoa e não causa nenhum constrangimento ou vergonha, passado o momento da sintonia.
É uma relação em "mão dupla", um dá o outro recebe, aquele que recebeu dá, e o que deu recebe, inclusive uma troca mútua de prazer, de experiências vividas, sonhadas, ou fantasiadas, uma partilha da vida na sua totalidade, com suas realizações, suas frustrações, seus sonhos e ideais, enfim o dia a dia.
A sintonia entre as almas gêmeas é tão perfeita que mesmo quando estão separados o simples pensamento no outro desencadeia uma maravilhosa onda mágica de energia que conforta, faz companhia, motiva, fortalece, aquece, devolve o sorriso, aplaude e até mesmo causa excitação, de acordo com o momento que é vivido. Rompendo assim, com as barreiras: Do tempo, da distância, tornando-se intemporal, atravessando todas as dimensões do universo.

Nenhum comentário: