Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

sexta-feira, 29 de julho de 2011

29 de Julho ...Nascimento da Estrela da minha vida!

29 de Julho, data em que nasceu a estrela da minha vida, que se não tivesse voltado para junto de Deus hoje faria 76 anos.


Ela veio, me deu vida, iluminou-a e partiu deixando meu coração sem as cores da alegria. inundado de lágrimas por vezes silenciosas no escuro do quarto, por vezes tão intensas que rolam pelo rosto copiosamente sem que nada as possa impedir nem mesmo o fato de estar caminhando na rua no meio das pessoas.

São lágrimas sentidas no fundo da alma:

Lágrimas de saudades


Lágrimas de remorsos


Lágrimas de culpas


Lágrimas de arrependimento


Lágrimas de impotência diante do inevitável


Lágrimas de infinita dor ao lembrar o terror estampado no seu derradeiro olhar

Lágrimas por todas as lágrimas derramadas pela sua estrela


Como a vida é estranha...Amamos alguém, nem sempre o demonstramos, sofremos quando esse alguém parte, choramos, a dor torna-se insuportável, passado algum tempo, em alguns momentos, apesar de por vezes chorarmos, umas vezes mais do que outras as lembranças tornarem a pessoa viva, temos a sensação como se esse alguém não tivesse existido, há um imenso vazio, porque continuamos no nosso dia a dia, por vezes até sorrimos e nos sentimos felizes, isso choca, causando um grande conflito com a sensação de que abandonamos esse alguém, que somos insensíveis, ingratos. Porém, em outros momentos por frações de segundo, agimos como se esse alguém não tivesse partido e nada tivesse mudado.


Estrela da minha vida me perdoe se fui a responsável pelo terror que vi, no olhar que me lançou, no momento da sua partida!

Peço a Deus que esteja na Luz, em Paz, sem sofrimento esteja onde estiver.

2 comentários:

Alcione N B Sousa disse...

Oi Céu
Deus te abençoe e proteja a ti e a todos que te são caros
Emocionante tua homenagem a ESTRELA DE TUA VIDA
Só te peço, não te deixes dominar demais por esse sentimento de culpa ,ao qual te referes nos itens
3)Lágrimas de remorsos
4)Lágrimas de culpas
5)Lágrimas de arrependimento

Pois tenho a certeza que nestes momentos, ela sofrerá também, por sentir a filha querida sofrendo .
Ama cada vez mais e procura perdoar a ti mesma .

A pouco tempo eu li um conselho,formulado como ajuda própria e, a partir daí passei a questionar os meus defeitos também,
O conselho é o seguinte;

Devemos ser caridosos com os defeitos do próximo,mas não devemos esquecer que precisamos não exigir demais de nós mesmos.
Desculpe a interferência
Sempre é tempo de amar
Não esqueças que as lágrimas ,também trazem alívio, e o tempo é o equalizador de tudo


Muita paz

Namastê

Céu disse...

Deus lhe abençoe e proteja amiga! Obrigada pelo seu emocionante comentário,fiquei comovida com seu carinho, conforto e amparo e que me fez recordar muito do que eu passei a vida a dizer aos outros e que acabei por esquecer de dizer para mim mesma, quando um ente querido morre, não devemos recordá-lo com tristeza e sofrimento, porque estamos impedindo-o de avançar no seu caminho em direção à luz e assim fazemos com que sofra, além do que já sofreu antes de fazer a passagem.
Obrigado pelo conselho! Vou tentar ser menos dura comigo mesma, mas sabe o que é isso? é gostar da perfeição e me dar conta de ser o mais imperfeito dos seres humanos.
Um forte e carinhoso abraço!
Namastê!