Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

domingo, 14 de janeiro de 2018

13º/14º Dia do Novo Ano o fogo volta a causar tragédia em Tondela



O concelho de Tondela no Ano Novo volta a sofrer uma tragédia consequente ao fogo, desta vez não  teve início nas matas ou florestas, mas numa associação onde as pessoas participavam de um Torneio de Sueca, porém, infelizmente com elevado número de vítimas,dois quais 8 foram vítimas mortais, e várias distribuídos por vários hospitais dado a gravidade das mesmas. Deve ter sido momentos de grande sofrimento, esse pensamento origina uma angústia e um sofrimento atroz ,  talvez não chegue a 10% do que as pessoas que lá estiveram viveram.
Essa tragédia reforça aquilo que todos dizem mas que na prática não se consegue evitar: "é nos momentos críticos que devemos manter a calma, não entrar em pânico e procurar uma saída", principalmente quando envolve muitas pessoas confinadas num lugar, o pânico coletivo se instala mais depressa do que até, neste caso, ao próprio fogo. Talvez se alguém, que visse o início do incêndio desse o alerta, conseguisse manter a calma e procurasse abrir a porta, o número de vítimas seria menor. entretanto, essa atitude é muito difícil de acontecer, principalmente tendo na memória o passado recente das tragédias dos incêndios que marcaram o ano de 2017
Recordo que no último dia da Expo 98, estando na estação de Metro e observando do alto, da bilheteira, a multidão que estava na plataforma a espera para  também se dirigir à Expo, desistimos de ir porque houve o pensamento " tanta gente amontoada neste recinto basta alguém  soltar um grito, por exemplo alguém que tem medo de ratos, avista um e  até involuntariamente pelo susto do inesperado solta um grito, é o  suficiente para levar ao pânico coletivo e todos começarem a gritar e correr desesperados, uns empurrando os outros, alguns tropeçam são pisados, todos querendo deixar o recinto para salvar a própria vida, mesmo que exista alguém que não entre em pânico, estando no meio acaba, por vezes sendo "atropelado" e "massacrado" pela reação  de pânico da multidão" não valia arriscar, principalmente por já ter ido nos primeiros dias. Esta foi apenas uma situação hipotética, mas explica como o pânico amplifica as consequências trágicas de um incidente/acidente.
Deus conduza para a Luz Perpétua as almas dos que partiram na  tragédia de Tondela, dê força  e ajude  as famílias a superarem esse momento trágico, de sofrimento e dor pela perda de seus entes queridos que partiram.

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

Final de Ano Tempo de Balanço e Dar as Boas-Vindas ao Ano Novo


O ano de 2017 está chegando ao fim levando com ele tudo que aconteceu de bom ou de ruim, deixando no ar a esperança de que o Novo Ano seja próspero, repleto de Paz, Luz, Amor ,  Saúde, para todos e que haja o "pão nosso de cada dia" para todos.
Os momentos que antecedem ao fim de algo originam retrospectivas onde contabilizamos os bons e maus momentos, tomamos consciência:
Dos nossos erros, mas sem esquecer dos acertos; 
Dos nossos fracassos, sem esquecer dos êxitos alcançados; 
Dos pesadelos vividos, sem esquecer dos sonhos realizados; 
Da Energia Vital afetada permitindo que a doença se instalasse, sem esquecer a Saúde que nos acompanhou; 
Dos gastos e desperdícios que tivemos, sem esquecer das receitas, riqueza e abundância que obtivemos com o suor do nosso trabalho; 
Das nossas lágrimas que escorreram pela nossa face,sem esquecer dos sorrisos que iluminaram o nosso rosto;
Dos dias de stress que padecemos, sem esquecer dos momentos de relaxamento que conseguimos ter;
Das tristezas que passamos, sem esquecer das alegrias que tivemos;
Das injustiças que sofremos, sem esquecer da justiça que obtivemos;
Das lutas que travamos, sem esquecer  da concórdia que estabelecemos;
Das preocupações que nos assolaram, sem esquecer dos alívios que sentimos;
O saldo resultante do balanço realizado apesar dos pesares (stress, preocupações, fracassos, pesadelos, Energia Vital baixa em desarmonia, das muitas lágrimas que rolaram, das tristezas,  falta de esperança, de nada fazer sentido, etc..) o saldo foi positivo, com a Graça de Deus: A "estrela" da minha vida esteve presente (que Deus a conserve por muito tempo, que o seu "Crepúsculo da Vida" demore a chegar); A saúde prevaleceu sobre a doença; O emprego manteve-se; Houve o "pão nosso de cada dia", o abrigo de um teto, uma cama para descansar, agasalho para proteger do frio;  O Voley continuou; O amor e a amizade conservaram-se; houve progresso na reposição da verdade e punição daqueles que praticaram injúrias, ofensas e danos morais; Inclusive houve  avanço na aquisição de novas tecnologias de comunicação; Houve harmonia no encontro da família no Natal  (realização de amigo oculto com a participação de todos, cada um  fez uma lista do que gostaria de receber dentro de uma faixa estipulada, a todos foi entregue um conjunto: uma pedra  com a "Constelação Familiar" cada elemento pintado com a respectiva cor do signo e posição na "órbita da Constelação Familiar"+um "Caçador de Sonhos" com a cor do signo correspondente + um lápis/semente; possibilidade de cada elemento obter respostas às suas indagações  através do Pêndulo ou do I Ching colocados ao lado  Presépio em baixo da Árvore de Natal, bem como agradecer ou fazer pedidos ao Menino Jesus, colocando por cada agradecimento ou pedido um enfeite na pequena Árvore de Natal em cristal junto ao Presépio, tentando que o verdadeiro espírito do Natal prevalecesse e que o homenageado desse dia não fosse esquecido).


Cabe recordar  o poema: 
"Fazer como a Águia"
Quando as tempestades da vida
Surgem escuras à minha frente,
Me recordo de maravilhosas palavras
Que uma vez eu li.
E digo a mim mesmo:
Quando pairarem nuvens ameaçadoras,
Não dobre suas asas
E não fuja para o abrigo.

Mas, faça como a águia,
Abra largamente as suas asas
E decole para bem alto,
Acima dos problemas que a vida traz.

Pois a águia sabe
Que quanto mais alto voar,
Mais tranqüilos e mais brilhantes
Tornam-se os céus.

E não há nada na vida
Que Deus nos peça para carregar
Que nós não possamos levar planando
Com as asas da oração.

E ao olhar para trás
Verá que a tempestade passou,
Você encontrará novas forças
E ganhará coragem também.

É  tempo de dizer adeus  ao Ano Velho, saudar e dar as boas-vindas ao Ano Novo e desejar:
Feliz e próspero Ano Novo



sábado, 25 de novembro de 2017

2017 Um Ano de Vibração 1...






O regente universal de 2017, segundo a Numerologia, é 1. "Um ano de vibração 1 é sempre o ano que marca a abertura ou o início de um ciclo. Em termos individuais, estaremos sob a influência dos trânsitos numerológicos que implicam, entre outros Números: o Número da Vibração Universal do Ano, o Número do nosso Ano Pessoal e o Número do nosso Ciclo de Aniversário". Por Falar em Ciclo de Aniversário, este ano é o ponto de equilíbrio de duas vidas distintas passadas nesta passagem pela Terra. Até 2017 "primeira" vida superava a "segunda" vida em termos de anos, onde, os anos igualaram-se, inevitavelmente surge a "balança do tempo", estando de frente para a balança, o prato esquerdo (coração/emoção) corresponde à "primeira"  vida: A construção de um sonho e o prato direito (cérebro/razão)  corresponde à "segunda " vida: A transformação do sonho em pesadelo.
Segundo a Numerologia "todos responderemos ao chamado, mais ou menos subtil deste poderoso Número 1, que rege os novos começos, os novos inícios, mas também os recomeços e a possibilidade de começar do zero". O final deste ano aponta que será isso que acontecerá no próximo ano, a "terceira" vida: A incerteza. Por um lado a descoberta ou conclusão: 
Nada faz sentido nesta vida!
Por outro lado, a "balança do tempo" mostra um encadeamento de eventos,  que permite concluir que:
Tudo  tem uma razão de existir ou de acontecer na Vida!
Contudo, esta segunda ilação torna-se polêmica, à luz dos atos terroristas que assolaram o mundo, em especial o ataque terrorista ocorrido nos últimos dias no Egito...pausa, para fazer uma oração pelas vítimas desse massacre... continuando... onde não se consegue vislumbrar nenhuma razão para a sua existência, muito pelo contrário, lança uma questão:
Que religião é essa que mata e destrói tudo e todos indistintamente ? 
O que faz com que  a primeira ilação tenha cada vez mais sentido, embora essa expressão seja um paradoxo.

https://lifestyle.sapo.pt/astral/espiritualidade/numerologia/artigos/numerologia-o-ano-de-2017

sábado, 2 de setembro de 2017

Cérebro e a Meditação


A meditação é uma técnica que exerce influência em diferentes funções cognitivas. Meditar é refletir, divagar, porém essa prática tem como objetico: evitar a corrente de pensamentos, deixando que a mente foque apenas um objeto, símbolo ou mantra. Assim, durante a meditação, o esforço executado pelo cérebro para se concentrar em um único ponto torna-o ativo, ao contrário da crença comum de que a meditação nada mais é do que um estado de repouso.  
Navegando sobre as ondas da Internet,  as ondas cerebrais se destacam principalmente em se tratando de meditação:
Estudos utilizando eletroencefalograma vêm demonstrando que a concentração, uma das etapas iniciais da prática meditativa, é um processo cognitivo que requer treinamento e integração de diferentes redes neuronais. O aumento de atividade de ondas alfa (ondas de 9 a 13 Hz, que refletem estados de relaxamento) e a redução de ondas teta (ondas de 4 a 8 Hz, que indicam tanto estado de sonolência quanto de atenção), durante a meditação, mostram que o cérebro se encontra mais orientado internamente, alerta e atento – ou mais vigilante.   Os autores observaram o aparecimento de ondas cerebrais amplas, conhecidas como ondas gama (de 27 Hz em diante), somente em indivíduos que meditavam diariamente, mostrando grande concentração e aumento de atividade neuronal.


Durante a meditação são  várias as áreas cerebrais que são ativadas:



Após a prática da meditação, essas ondas continuavam presentes no cérebro das pessoas, como se elas estivessem sempre muito focadas e concentradas, mesmo quando não estavam meditando. Em uma segunda etapa do estudo, os mesmos autores concluíram que a melhoria na concentração pode resultar em um estado mental menos ativo cognitivamente, no qual a execução de tarefas exija menos esforço cognitivo. As implicações clínicas podem favorecer indivíduos com déficit de atenção, que apresentam dificuldades em se concentrar. Esses processos estão relacionados a um aumento de atividade de redes de atenção dos lobos frontais anteriores, incluindo uma estrutura chamada córtex cingulado anterior (CCA), resultando em melhora crônica da atenção e da capacidade de concentração. O CCA é uma região envolvida tanto em processos de atenção quanto em processos afetivos e alterações autonômicas. O CCA e o córtex pré-frontal (CPF) modulam então respostas emocionais, provavelmente controlando a atividade neuronal dos componentes do sistema límbico, como a amígdala (hipoativada).
A ativação dessas áreas cerebrais específicas durante a meditação contribui para a sensação de bem-estar e conforto. Além dos efeitos na cognição e no humor, a prática da meditação é capaz de influenciar o sistema imunológico por meio da redução de pensamentos prejudiciais, muitas vezes eliminados durante o processo. O pensamento “gerado” no CPF projeta-se para o sistema límbico, envolvido no procesamento das emoções. Se o pensamento for prejudicial, o hipotálamo e, conseqüentemente, o eixo HPA são ativados, liberando uma cascata neuroendócrina que resulta na secreção do cortisol, o hormônio do stress. Se essa secreção é contínua, o sistema imune acaba se enfraquecendo.
A meditação também pode atenuar sensações de desconforto. A redução dos níveis plasmáticos do ACTH (hormônio precursor do cortisol), TSH (hormônio estimulador da tireóide) e do próprio cortisol, por exemplo, aumenta a síntese de neurotransmissores como GABA (efeito inibitório da ansiedade), dopamina (envolvida no sistema de recompensa e na sensação de satisfação), serotonina (afeto positivo), endorfinas (que aumentam a síntese de glutamato no cérebro, o que estimula o hipotálamo a liberar beta-endorfinas, reduzindo medo e dor, produzindo uma sensação de bem-estar e alegria), acetilcolina (relação com o aumento nos sistemas de atenção nos lobos frontais). Cientistas sabem que a percepção corporal depende da ativação dos lobos parietais superiores. O hipocampo modula o nível de excitação cortical e de responsividade, por meio de conexões com o córtex pré-frontal, amígdala e hipotálamo. Essas estruturas estão implicadas na capacidade de atenção e nas emoções e são fundamentais para a percepção de imagens.
A ativação da amígdala direita resulta em estimulação do hipotálamo, com subseqüente ativação do sistema nervoso parassimpático; que é responsável por proporcionar uma sensação de relaxamento e de profunda quietude, diminuindo a frequência cardíaca, a taxa respiratória e, consequentemente, a atividade do locus coeruleus (onde a norepinefrina é sintetizada). A queda na produção de norepinefrina diminuiria a estimulação do hipotálamo, reduzindo também a produção de hormônios do stress como ACTH e cortisol. Além disso, o hormônio argenina-vasopressina (AVP), que se encontra também rebaixado durante a meditação, contribui para a manutenção de afetos positivos, reduzindo fadiga e excitação, e é significativamente importante na consolidação de novas memórias e no aprendizado.
http://institutodeneurocienciasdecuritiba.blogspot.pt/2012_05_01_archive.html

Após essa "onda" surgiram no horizonte outra ondas em forma de interrogação: Será que a meditação só tem benefícios? será que  meditação pode acarretar algum malefício ou  dano ao cérebro? se a meditação ativa algumas zonas cerebrais  será que estas zonas quando ativadas frequentemente não poderão entrar em exaustão ou em colapso?
Tudo tem dois lados como uma moeda tem duas faces:Cara e coroa. Assim como tudo que for em excesso prejudica. Há que haver bom senso, peso e medida. existem estudos que demonstram que a pratica de meditação prolongada em termos de tempo ou forçada para gerar determinado efeito pode causar alguns efeitos colaterais, como surto psicótico, contudo, alguns pesquisadores garantem:
"São muito incomuns os efeitos colaterais. Com exceção dos psicóticos, eles só acontecem naqueles que querem forçosamente "conduzir" os efeitos, "gerar" as consequências da meditação, ao invés de apenas praticá-la tranquilamente. Meditação não é auto-hipnose. Meditação não é imaginação criativa. Ela é prática, sossegada, sem expectativas e sem violentar o processo. O fenômeno não precisa ser buscado, pois ela já é o próprio fenômeno, quando leva ao seu típico estado modificado de consciência. Na meditação, o imponderável já está presente, em si mesmo, e apenas ele levará a saltos quânticos de consciência, quando e como for oportuno. Basta, apenas, meditar, meditar, meditar… …e confiar."
Portanto, meditar é serenar o espírito, abrandar os pensamentos para libertar a mente de todas as suas amarras, naturalmente, em harmonia com o corpo.

sábado, 24 de junho de 2017

Dia de São João...minutos de reflexão!


A senda nos caminhos da vida por vezes nos conduzem a momentos de reflexão, contemplação e porque não dizer de perplexidade. Hoje na missa de São João, foi um desses momentos, a Homília parecia ser a resposta de Deus aos anseios e questionamentos sobre o  "inferno ocupacional" ou o pesadelo de um sonho, instantes antes o desalento era tão grande pela massificação das manifestações de insatisfação que se duplicam, sextuplicam-se ou multiplicam-se que instigaram a razão, esse implacável carcereiro/carrasco, mas igualmente protetor e defensor guardiã da integridade do nosso ser, a questionar e duvidar se  não serão justificadas, se há um desagrado a  "gregos e a troianos" a quem então estamos agradando com nossas atitudes, posturas, decisões que julgamos serem corretas, verdadeiras, justas,, éticas e legais? Antes de fazer um julgamento errôneo e concluir que estamos errados porque a razão,  sendo lógica, dita que uma pessoa não pode estar certa e uma multidão estar errada, a resposta de Deus se fez sentir através das palavras do padre que ecoaram fundo "...agradar a Deus..." e continuou..." os pais de São Joâo  quando todos diziam que o nome deveria ser Zacarias como pai, este contraria a todos e diz que chamar-se-á João... ouvindo os desígnios de Deus no íntimo do seu ser, não agindo como todo mundo age, não  se detendo na expressão sempre foi assim é assim que tem que ser..." essa foi a resposta que precisava no momento para não sucumbir, que fez recordar que  ao longo da vida as expressões "nunca gostei das maiorias" porque elas estando errada muitas das vezes derrubam o certo que a minoria não teve número suficiente para prevalecer; "não é porque todos fazem que eu vou fazer" e justificava, se agora todos decidem saltar de uma janela ou atirar-se de uma ponte eu também vou me atira da ponte ou saltar de uma janela? a que propósito? e" é assim porque sempre foi assim, é assim que todos fazem" quer dizer que só existe uma forma de fazer ? uma "bitola"? essa afirmação é de mentes estreitas que estacionaram ou se acomodaram,  de pessoas que não evoluem e nem permitem que outros evoluam, não resolvem o problema e nem permitem que outros possam encontrar soluções para o problema.  Consideram  erro se for feito de outra forma,  esqueceram-se de que "a ordem dos fatores não alteram o produto" se todo mundo quando for calcular a área de um retângulo fizer base x altura e alguém fizer altura x base esse alguém estará errado porque todos fazem da primeira forma? Parece que nos tempos que corre  houve uma inversão dos valores éticos e morais, o certo passou a ser o errado e o errado passou a  ser  certo.
É preciso rever ou redescobrir esses valores, para que o certo seja certo em qualquer momento e em qualquer lugar , mesmo que o certo esteja em minoria , "fora de moda"  nos obrigue a retroceder ou reconhecer que estamos errados , ou estejamos sozinhos contra um multidão.
Essa "resposta de Deus" foi o sopro de ânimo, força necessária para seguir na senda da vida pelos caminhos da verdade, da justiça, fazendo o que é correto, ético ou legal, mesmo tendo que enfrentar uma multidão.

domingo, 18 de junho de 2017

Lágrimas Acompanhadas de uma Oração/Meditação pelas Vítimas de Catástrofes




Hoje Portugal amanheceu em choque pela catástrofe, que começou ontem de tarde em Pedrógão Grande,  provocada, segundo foi noticiado, por uma "trovoada seca" acompanhando as elevadas temperaturas, perto dos 40ºC e baixa humidade, que descarregou um raio sobre uma árvore deflagrando um incêndio de grandes proporções, deixando um rastro de 62 vítimas mortais, algumas  destas foram atingidas na estrada, quando tentavam fugir ao fogo, mais 54 vítimas feridas que foram transportadas para o hospital, sendo 8 "Soldados da Paz" que estavam no combate ao incêndio.
Lágrimas acompanhadas de uma Oração/Meditação (transcrita) expressando a tristeza e o pesar pelas vítimas dessa tragédia (e também da tragédia ocorrida dias atrás em Londres:  Edifício de habitação social Grenfell Tower e por todas as vítimas de catástrofes de iguais ou menores proporções ocorridas no Planeta:

Pelas Vítimas de Catástrofes

Respire fundo algumas vezes, procurando relaxar.

Mentalize em torno de si um campo de energia luminosa cheia de vitalidade e da pura alegria da natureza.

Inspire esse ar luminoso, carregado de energia e de alegria. Visualize essa onda de força luminosa penetrando em seu corpo, espalhando-se por ele.

Não pense. Apenas sinta um estado de calma, de profunda paz.

Imagine que se encontra à beira de um lago, na hora do crepúsculo...

Observe as águas límpidas e serenas, refletindo a natureza em torno e o azul do céu.

Sinta toda a tranquilidade desse lugar.

Imagine que os companheiros deste grupo de orações também vão chegando e se aproximando de você.

Agora que estamos todos juntos, respirando esta paz, esta energia pura, esta tranquilidade que a natureza nos oferece, vamos mentalizar as faixas mais altas da Vida e dizer mentalmente:

“Pedimos às Forças Cósmicas do Amor para amparar e ajudar todas as pessoas que estão sofrendo neste momento por causa de catástrofes, tais como terremotos, tsunami, estiagem, enchentes, temporais... Pessoas que perderam entes queridos... Que perderam suas casas e se encontram ao desabrigo ou em situações de sofrimento...

Amparai-as em nome do amor, dando-lhes alívio e novas esperanças para suas vidas.

Que as forças do bem possam amparar todos os seres humanos que se encontram enfermos... os que estão com fome e não tem o que comer... os que estão desabrigados ou passando qualquer tipo de necessidades...

Que as forças superiores do bem amparem todas as crianças da Terra, dando-lhes o necessário para viver com dignidade, conduzindo seus passos em direção ao bem e dando-lhes oportunidades de crescimento como seres humanos...

Que as forças do Bem conduzam nossa humanidade por caminhos de paz e de fraternidade, protegendo a natureza e a vida, em todas as suas expressões.

Que essas mesmas forças também amparem a todos nós, desta rede de orações, iluminando nossas mentes e tornando-nos mais fraternos... com paz e contentamento em nossos corações.
(http://www.mundoespiritual.com.br/orando.pela.terra.htm)

Que Deus conduza, para à  Luz Eterna, estas as almas dos que partiram (em especial hoje) deste mundo, vítimas das catástrofes que assolaram o Planeta,  Dê conforto, consolo e força aos enlutados para atravessar esse momento de dor e recuperação das vítimas hospitalizadas.
Que Deus esteja com todos e Dê força e proteção, em especial,, aos bombeiros,  para combaterem e extinguirem as  chamas que lavram neste momento.

domingo, 2 de abril de 2017

Ressurreição...Fênix na Vida


Que relação existe entre esse termo Bíblico, e a Fênix na vida? Quem ler este título pensará "expressão sem nexo,sem sentido, mas se alguém por curiosidade ler a essa questão, a resposta que dará será "nada a ver...quem escreveu isso é um alienado, um lunático, esquisito, etc..." mas quem a escreveu pensa " to nem aí" para os que outros pensam sobre o tema, há uma razão para tudo acontecer, mesmo que a nossa própria razão a desconheça, embora não seja esse o caso:
Apenas significa uma reflexão sobre as várias "quedas"( "mortes") nas várias vertentes da vida, aqui na  vida em si , em outros sítios, nas respectivas vertentes, utilizando como ponto de partida a definição de Ressurreição (na Bíblia, a palavra traduzida como “ressurreição” vem do termo grego anástasis, que significa “se levantar” ou “ficar de pé novamente”. Quando uma pessoa é ressuscitada, ela é “levantada” dentre os mortos e volta a ser a pessoa que era antes. — Coríntios 15:12, 13..Deus deu a Jesus o poder para levantar os mortos. (João 11:25) Jesus trará de volta à vida “todos os que estão nos túmulos memoriais”, cada um com sua própria identidade, personalidade e lembranças. (João 5:28, 29) Os que são ressuscitados para viver no céu recebem um corpo espiritual, enquanto os ressuscitados para viver na Terra recebem um corpo físico novo e saudável. — Isaías 33:24; 35:5, 6; 1 Coríntios 15:42-44, 50. fazendo uma analogia:
1- Bíblica originada por hoje ser o "Domingo de Lázaro" para os Católicos, onde para os que acreditam, onde Jesus fizera com que Lázaro ressurgisse, depois de estar sepultado 4 dias;
2-Mitológica Fênix, A fênix, fênice ou fénix (em grego clássico: ϕοῖνιξ) é um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e, passado algum tempo, renascia das próprias cinzas. Outra característica da fênix é sua força que a faz transportar em voo cargas muito pesadas, havendo lendas nas quais chega a carregar elefantes. Podendo se transformar em uma ave defogo.Teria penas brilhantes, douradas, e vermelho-arroxeadas, e seria do mesmo tamanho ou maior do que uma águia. Segundo alguns escritores gregos, a fênix vivia exatamente quinhentos anos. Outros acreditavam que seu ciclo de vida era de 97 200 anos. No final de cada ciclo de vida, a fênix queimava-se numa pira funerária. A vida longa da fênix e o seu dramático renascimento das próprias cinzas transformaram-na em símbolo da imortalidade e do renascimento espiritual.Os gregos parecem ter se baseado em Bennu, da mitologia egípcia, representado na forma de uma ave acinzentada semelhante à garça, hoje extinta, que habitava o Egito. Cumprido o ciclo de vida do Bennu, ele voava a Heliópolis, pousava sobre a pira do deus Rá, ateava fogo em seu ninho e se deixava consumir pelas chamas, renascendo das cinzas. Hesíodo, poeta grego do século VIII a.C., afirmou que a fênix vivia nove vezes o tempo de existência do corvo, que tem uma longa vida.
Foram várias "quedas" equivalentes a dizer fim de ciclos/"morte"marcantes e não no sentido real da palavra (essas, Graças a Deus foram poucas, embora, igualmente marcantes, algumas coincidentes) em que houve o "ressurgir das cinzas" o "levantar":
1Q- Fracassos no acesso para a realização do sonho de uma vida ("morte" da autoconfiança e auto estima)
1R- Contato indireto com o sonho (curso e estágio, entrada para a faculdade mas sem perder de vista o sonho de uma vida)
2Q- Dilema  obrigando a ter que optar por abdicar da formação remunerada sem garantias futuras após o término para entrar no mercado de trabalho após concurso público traindo o princípio pessoal de colocar os estudos e a busca pelo conhecimento na frente do dinheiro.
2R- Duas Pós-Graduações, Volley (UERJ- início +"patotiha" do Volley e UFRJ-1º "príncipe encantado" ), ABEn, ACM (Volley e ginástica+ concelho)
3Q- Primeiro afastamento do volley - Tendinite (40 sessões de fisioterapia), fim na ACM, segundo afastamento do Volley (Fratura bimaleonar com entorse -cirurgia colocação de parafuso e fio de kitcner-licença médica- retirada do fio e parafuso, Fisioterapia 2 meses), mudança de vida
3R- Recuperação nas areias da Caparica retorno do contato com o volley, estágio de equivalência de estudos, entrada para a realização do sonho  de uma vida
4Q- Primeira "Morte" (interior) afastamento de Deus, insucessos sucessivos na faculdade
4R- Retorno ao Volley, sintonia com o mar, frequência assídua à Biblioteca Nacional, Volley 5x por semana, começo do sucesso escolar, relacionamento primaveril
5Q - Término  do relacionamento primaveril por motivo totalmente inesperado, afastamento do volley por transferência de faculdade, novos insucessos na nova faculdade
5R- Primeiro trabalho, posterior vínculo à Função Pública e estatuto de trabalhador estudante, sucesso na faculdade,o "príncipe proibido", retorno ao volley, Reiki, "príncipe virtual"- "carinho materializado", criação da 1ª Web Page, criação de outras web Page, MIRC, ICQ, cartões virtuais, realização do sonho de um vida, especialização
6Q- Especialização distante , apesar da nota boa, avaliação final correu mal, afastamento dos torneios de Volley ( embora  não do Volley), 2ª "morte" (interior- crepúsculo de Vida de uma das Estrelas Guias) afastamento do Reiki e do Volley.
6R- Ingresso novamente do mercado de trabalho, pós especialidade, mediante Concurso Público, 1º Blog (este),  vários livros escritos e publicados, retorno ao Volley, retorno ao Reiki, "Príncipe Real Virtual"-o derradeiro, outra Web Page, a derradeira, "loucuras de amor", "voos"- vários Blogs (oração, meditação, Volley, bebê), tri madrinha (casamento da afilhada de Batismo e Crisma), designer dos bolos festivos . Retorno ao  Volley.
7Q- 3ª "morte" (profissional-humana/espiritual-intelectual), Assistente no processo do Ministério Público, pela 3ª vez (as 2 primeiras vezes não foram concluídas por retirada do processo) afastamento do "Príncipe Real Virtual", fecho involuntário da derradeira Web Page, "estranho no ninho" no Volley,
7R- Tri Madrinha (novamente Madrinha de Casamento da outra Bi Afilhada de Batismo e Crisma)  Projeto de trabalho de pesquisa científica em curso- "se a vida me der limões faço limonada", mas está difícil...