Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

A Paz é possível...se houver Amor!




Paz ...palavra tão pequena, tão simples, tão necessária ao Homem, mas porque tão difícil de ser alcançada? Se quando: amamos alguém; nos sentimos amados por alguém; amamos e somos amados, nos sentimos feliz, em paz e que gostaríamos que todos fossem felizes, em especial quem nos faz feliz e que a paz reinasse no Universo!

No passado existiam algumas músicas cantadas na catequese ou cantadas por época de Natal e Ano Novo, expressando Amor, amizade, que só de as cantar já nos sentíamos em paz:

1- "Paz, Paz de Cristo, Paz, Paz que vem do amor, te desejo irmão,
Paz que é felicidade de ver em você Cristo nosso irmão. (refrão)
Se algum dia na vida você de mim precisar, saiba que sou seu amigo, podes comigo contar, o mundo dá muitas voltas, a gente vai se encontrar, quero nas voltas da vida a sua mão apertar.
( repete o refrão)";
2- "Para ser feliz é preciso crer neste céu azul na imensidão e fazer das tristezas estrelas a mais e do pranto uma canção.
Há um mundo bem melhor todo feito pra você, é um mundo pequenino que a ternura fez".
3- A oração de São Francisco de Assis, que pode ser considera, o hino do amor;
4- "Este ano quero paz no meu coração, quem quiser ter um amigo que me dê a mão, o tempo passa e com ele caminhamos juntos, sem parar, nossos passos pelo chão vão ficar....marcas do que se foi, sonho s que vamos ter como todo dia nasce novo em cada amanhecer".
5- "Quero ver você não chorar não se arrepender do que faz, quero ver o amor nascer mas, se a dor surgir você resistir e sorrir... e você pode ser assim, não é nada assim sem você...que o natal existe e no mundo alguém para dar bom natal e feliz natal, muito amor e paz pra você";

Talvez seja justamente por isso, porque o amor, embora muito divulgado, comentado, retratado em poesia, nas telas da televisão e do cinema, no palco do teatro, parece só existir na ficção e não na realidade, porque só mesmo a falta de amor na vida pode permitir que:
...Haja violência doméstica;

...Predomine a violência urbana;

... Aconteçam as injustiças, principalmente as injustiças sociais, com a má distribuição da renda, os ricos cada vez mais ricos e o pobres cada vez mais pobres;

...Haja a miséria por um lado, crianças passando fome, sem terem o que vestir, numa zona do planeta e ostentação, opulência e esbanjamento por outro, quando em outras regiões, muitas crianças fazem birras porque não querem comer a sopa ou porque querem um ténis de marca.

... A justiça seja adulterada, ou fique muda pela corrupção falar mais alto;

...Crianças sejam mau tratadas até ficarem sem vida, e o mais horrível disso é que sejam os próprios pais a fazê-los;

...Haja pedofilia e abusos sexuais de jovens

...A droga prolifere e junto com ela, a delinquência e a prostituição juvenil;

...Os direitos humanos sejam frequentemente desrespeitados.
...Predomine a falsidade, a mentira, a injúria, a ofensa, a difamação, a inveja, a desconfiança, a desonestidade e a falta de respeito entre os Homens e a natureza.

Contudo, a Paz começa dentro de cada um e será possível de ser alcançada um dia, desde que o amor floresça no coração dos Homens.

Quando isto acontecer, os Homens estarão sentindo, dentro de si mesmo, a força propulsora da vida, que gera um estado de serenidade, bem estar e plenitude que é incompatível com a guerra ou a violência e, então, enfim surgirá a tão sonhada, proclamada e desejada, Paz na Terra.



Nenhum comentário: