Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Catástrofe...cenário desolador do sofrimento e vulnerablidade do Homem

Um comentário deixado no blog "cabeça brilhante" após ler o post "Haiti", onde tem uma imagem da catástrofe ocorrida há 2 dias atrás:
Imagem chocante da fúria da natureza! Um paraíso (em termos de cenário, não em termos econômicos, uma vez que é um dos países mais pobre do mundo) destruído em breves segundos, igual ao que aconteceu com as fortes chuvas que destruiu uma igreja do sec XVI em São Paulo e arrasou com outro paraíso, Angra dos Reis no Rio de Janeiro, os maremotos que recentemente atingiram a indonésia. Tudo isso mostrando toda a nossa vulnerabilidade frente a natureza que o Homem teima em não respeitar.

Esta catástrofe vem dar uma "sacudidela" na Humanidade não só em termos da vulnerabilidade do Homem , mas principalmente em termos de solidariedade, que alguns países prontamente se mobilizaram, como o Brasil, USA, França, que logo enviaram ajuda humanitária, não ficaram só nas promessas de envio, associaram ações às palavras.

Diante das cenas e dos relatos de toda a tragédia, de tanto sofrimento e dor, por um lado ficamos chocados, desolados e sensibilizados, as lágrimas rolam pelo nosso rosto, por outro lado olhamos para a nossa vida e vemos o quanto reclamamos injustamente, o quanto criticamos os outros quando nada fazemos pelos outros, se o fazemos é pensando em nós próprios; O quanto muitas vezes nos revoltamos, sem que o admitamos, até contra Deus, quando nos acontece alguma contrariedade. O quanto somos felizes e nem nos apercebemos disso ou nos lembramos de agradecer a Deus, por termos tudo que é necessário para viver (saúde, casa, comida, bebida, roupa, carro, trabalho, assistência médica e dinheiro), quando muitos nada têm e ainda estão sujeitos aos intempéries da natureza.
Tudo isso nos revela que a vida é muito tênue, que estamos sempre a um passo de um abismo, tragédia ou catástrofe, basta frações de segundo para que a vida cesse para sempre ou para uma fortaleza imponente, aparente indestrutível, ficar reduzida a escombros e poeira. Reforçando o quão fundamental é a solidariedade entre os Homens.

Que Deus ampare, conforte e console todos as vítimas dessa e de todas as tragédias e catástrofes que assolam a face da Terra!
Que os homens sejam solidários entre si!
Que todos se unam para dar continuidade a corrente humanitária de ajuda aos mais necessitados, como os representantes de alguns países, que se puseram de imediato a caminho e que já estão no terreno, não só nesta fase inicial, como estarão no pós catástrofe, na reconstrução do que foi destruído, para estes um voto de louvor e honra ao mérito por sua generosidade e altruísmo, trabalho, cansaço, suor, por abdicar do conforto, comodidade, de estar com seus entes queridos e da segurança dos seus lares em pró dos mais necessitados, em particular das vítimas desta catástrofe do Haiti.

2 comentários:

Rick Vieira disse...

O homem só se da conta do problema quando acontece uma tragédia. A muitos anos que o Haiti encontra-se em um estado deplorável e necessita de ajuda, e só diante desse acontecimento o mundo lembrou que o Haiti existe. Espero que agora a humanidade acorde e lembre-se de outros países que encontram-se na mesma situação.

Rick Vieira;

pilaresdonada.blogspot.com

Céu disse...

Obrigada Rick pelo seu comentário!
Concordo com você e acho realmente lamentável que seja preciso uma catástrofe para que o mundo "acorde" para os países mais carenciados, onde a miséria, a fome é uma constante na vida dos seus habitantes.
Um abraço