Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

domingo, 25 de abril de 2010

7 ... número místico-esotérico

O comentário do Igor no post "A vida continua para além da morte", gerou discordância quando ele afirmou:" O espírito não está no Universo...", embora mais adiante ele próprio deixa transparecer quando menciona a imortalidade do espírito e de estar no "além", pois tudo está no Universo, só que existem várias dimensões dentro do Universo: A dimensão física aquela que conhecemos muito limitada, a dimensão emocional a dimensão espiritual mais ampla, para fundamentar essa afirmação contrária a afirmação dele, entrei, pé ante pé, num "mundo novo", quase totalmente desconhecido para mim, mas sobejamente conhecido pelos orientais e por civilizações antigas, a medicina esotérica e com ela a anatomia oculta do homem.

Antes de embrenhar, "pé ante pé", nessa aventura e por ser perigosa (se não estivermos bem estruturados internamente), recordo as Confissões de Sto Agostinho(354-430):"Amo uma certa luz, uma certa voz, um certo odor, um certo alimento e uma certa carícia, quando amo o meu Deus. Uma luz, uma voz, um odor, um alimento e um abraço do homem interior que tenho em mim, onde brilha para a minha alma, o que o espaço não contém, onde ressoa o que o tempo não comporta... Eis o que amo quando amo o meu Deus".



Na pesquisa em vários sites e compilação (de vários textos de filosofias e doutrinas) realizada, o número 7 (número da perfeição) é o que se encontra com mais facilidade ("O 7 também chamado o "setenário" é o número sagrado em todas as teogonias, em todas as filosofias , em todas as religiões, desde a mais remota antiguidade. Em todos os sectores da actividade humana tudo é composto pelo numero 7 Citemos alguns deles: os 7 dias da semana, as 7 cores do espectro solar (Arco-íris), as 7 notas musicais, as 7 maravilhas do mundo antigo, os 7 planetas da Astrologia exotérica, os chamados 7 pecados capitais, os 7 dias da Criação, os 7 Sacramentos da Igreja Católica, As 7 Obras de Misericórdia) ....... etc. ... etc. A Bíblia cita o 7 em muitos dos seus versículos: "Os sete Espíritos aos pés do Senhor", "Os 7 anos que Jacó teve que servir a Labão quando pediu Raquel em casamento", etc.") começamos pelas 7 Leis sagradas:

1-Amor; 2-Respeito; 3- Coragem; 4- Hoestidade; 5- Sabedoria; 6- Humildade;7- Verdade.

7 Chakras (meridianos energéticos) do Homem:


1-Sagrado; 2-Raiz; 3- Plexo Solar; 4-Cardíaco; 5-Laríngeo; 6- Frontal; 7-Coronal



No Universo há 7 planos denominados:
1-físico;
2-emocional;
3-mental;
4-intuicional;
5-monádico;
6-anupádaka;
7-ádi.
O ser humano só se manifesta até a 5ª dimensão.

Outros descrevem que no Universo há 7 corpos (do corpo tridimensional de carne e osso ao Espírito da Vida, as sete estruturas, ou corpos, do homem, à semelhança do Universo inteiro):1. Físico;2. Etérico (ou Vital); 3. Astral (ou de Desejos); 4. Mental; 5. Causal (ou da Vontade; Alma Humana); 6. Consciência (ou Alma Divina);7. Íntimo (ou Espírito)

O grande mestre e médico de almas Paracelso os designava assim:

1. Limbus; 2. Múmia; 3. Archaous; 4. Sideral; 5. Adech; 6. Aluech; 7. Corpo do Íntimo.

Segundo os pensadores e os rishis (sábios) da Índia "Jivatmam dispõe de 7“corpos” para se exprimir no Universo manifestado:

1. Corpo Átmico (ou Nirvânico) ;2. Corpo Búddhico; 3. Corpo Mental Superior (ou Abstrato) ; 4. Corpo Mental Inferior (ou Concreto); 5. Corpo Astral; 6. Corpo Físico Etérico (ou Duplo Etérico) ; 7 Corpo Físico Denso.

Tanto os hindús, como chineses, caldeus, egípcios e hebreus, referem a constituição humana em suas obras e textos, quer profanos quer esotéricos. Em muitas passagens registradas por hieroglifos pode-se constatar o conhecimento que tinham os sacerdotes faraônicos da real constituição humana.

Na ideologia islâmica Existem 7 "Eu"(s)
1 - Nafs ammara (O Eu que induz ao mal)A maior parte da humanidade está neste nível. Desconectada do resto do mundo, onde busca apenas a satisfação de seus desejos. Nos níveis mais elevados de Nafs ammara o mal está na mentira (tanto pra satisfazer ao ego, como pra levar vantagens), na fraude, na sonegação do imposto de renda, enfim, nesses "pequenos" defeitos que são justificados por nossa mente. Nos níveis mais baixos encontramos os assassinos, estupradores, assaltantes, etc.
2 - Nafs lawwama (O Eu acusador)A consciência interior do certo e do errado. A pessoa nesse nível assume como verdade interior o que aprendeu - seja através de tradições (familiares, ou de um grupo) ou religiões. O problema aqui é esse "censor" interno ser tão rigoroso que possa levar a pessoa à depressão, ou a julgamentos muito rigorosos consigo mesmo e com os outros. O que normalmente surge desse encontro consigo mesmo é o remorso, e é preciso ter muito cuidado pra não desmoronar de vez ao ver-se como realmente é.
3 - Nafs mulhima (O Eu inspirado)O conjunto ética/ação é o que caracteriza a pessoa nesse nível. O indivíduo passa a ter mais sonhos e visões, e a achar que coisas que não são válidas para os outros podem ser válidas pra ele. O risco nesse nível é a pessoa confundir paixão com inspiração, porque o coração ainda está dominado pelo ego. Pessoas em Nafs mulhima podem tornar-se líderes religiosos e, mesmo com a melhor das intenções, podem achar que "inventaram" ou descobriram um novo caminho pra Deus, que são enviados do Alto para a humanidade, e podem assim acabar inflando ainda mais o próprio ego, por se acharem os donos da verdade.
4 - Nafs mutmaina (O Eu tranqüilo)Neste nível a pessoa já aquietou o ego, e possui um bem-estar interior mais constante. Já começa a vislumbrar um efeito de integração entre todas as coisas.
5 - Nafs radiya (O Eu que está satisfeito com Allah)Neste nível a pessoa está liberta da inflência do ego no coração. A partir daí não há possibilidade de regressão. Ele olha o mundo e consegue compreendê-lo como um sistema perfeito, sem falhas. Mas isso não significa que essa pessoa não tenha falhas, que não fique triste nem condoída com o problema dos outros. Nao há arrogância.
6 - Rafs mardiya (Aquele com quem Allah está satisfeito)São os considerados "amigos de Allah". Jesus, além de ser considerado (pelos muçulmanos) um profeta para o povo hebreu, é também um "amigo de Allah".
7-Nafs saffiya (O Eu perfeito)O momento em que o ego se dissolve na consciência divina, no qual, simbolicamente, amado e amante se confundem.
7 poderes suprafísicos

Segundo encontrei o Homem possuiria ao todo 12 poderes, ou sentidos. 5 sentidos físicos (olfato, audição, paladar, tato e visão) e 7 suprafísicos, atrofiados na grande maioria de nós. Eventualmente um ou outro sentido suprafísico se manifesta, dando-nos a certeza de que eles existem
1.Clarividência ( a Terceira Visão.Com este poder, apresenta-se ante nosso olho interior todo o universo oculto, as dimesões superiores e inferiores, os elementais e os anjos, os corpos sutis, os desencarnados e as formas-pensamento)=> O mantra para seu despertar é INRI

2.Clariaudiência (é o chamado Ouvido Interno ou Oculto. Com este sentido podemos escutar a voz dos desencarnados, dos Mestres, a Música das Esferas, compreender cada palavra pronunciada, valorizar a virtude do amor à Verdade e compreender as Leis de Causa e Efeito. O mantra para o seu despertar é ENRE...

3.Intuição (é a voz divina que nos fala por meio do coração. Com este sentido captamos o profundo significado das coisas e ficamos sabendo com antecedência o que fazer. Os místicos afirmam que este chacra desenvolvido nos dá também o poder da levitação/Jinas). O mantra para o seu despertar é ONRO...

4.Telepatia (quando andamos pela rua, pensamos em alguém e logo passamos por ele; isso se chama captação de pensamento, e é despertado com as virtudes do respeito a tudo e a todos, a discrição, o não julgar a ninguém. O mantra para o seu despertar é UNRU...

5.Viagem Astral (Todos, sem excessão, saímos do corpo físico nas horas de sono. Nossos sonhos são vivências, quase sempre inconsciente, de fatos ocorridos no mundo astral, ou quinta dimensão. Quem de nós, em um dado momento, estando relaxados, de repente pensamos em alguma coisa e nosso corpo sente um leve choque, como que assustados? Na verdade, sem o saber, estivemos saindo gradativamente do corpo físico e voltamos bruscamente. Quando um indivíduo domina relativamente esse poder, consegue coversar com os mestres e todos os desencarnados, penetrar nos templos das igrejas elementais, viajar a qualquer lugar do mundo, acima e sob a terra. O mantra para o seu despertar é FARAON...

6.Recordação de Vidas Passadas (Essa função depende de um sistema nervoso equilibrado, ou seja, um cérebro e uma coluna vertebral carregados de energias transmutadas. A virtude requerida para o despertar desse centro é a Fé consciente e serena). O mantra para o seu despertar é ANRA...

7.Polividência (é a capacidade da nossa consciência, ou Essência, desligar-se completamente de seus sete corpos e penetrar na Realidade Única, na essência profunda e na razão de ser das coisas). O mantra sagrado para o despertar é TUM...

Os 7 princípios constituitivos do Homem
1-O corpo Físico
Quanto à sua fisiologia e anatomia o estudo do homem pertence à Medicina.Para o estudo esotérico não há necessidade de aprofundarmos nos termos médicos.
2-O Corpo Etérico: a Energia da Vida
O corpo etérico é o responsável pela conformação, estruturação e alimentação energéticas do corpo celular; é o veículo da bioenergia e do prana que flui pelos 72 mil canais ou meridianos energéticos que vitalizam todos os órgãos do corpo físico.
O conhecimento dos meridianos energéticos possibilitou, dentre outras coisas,a acupuntura, o do-in, o moxabustão, etc. Quem quer ter saúde perfeita deve aprender a trabalhar com a bioenergia e com o pranayama.Pranayamas combinados com mantras estimulam o trabalho dos chakras ou centrosenergéticos do homem. A cromoterapia também está baseada nesses mesmosprincípios energéticos.
O corpo vital ou etérico é o grande maestro, o arranjador, o organizador termobioeletromagnético que atrai e impulsiona energias dentro de um movimento de sístole e diástole.
A energia vital é derivada ou produzida pelos tatwas. Tatwas são vibrações do éter. Por trás dos tatwas estão os elementais do fogo, da terra, do ar, daágua e do éter. Sendo o homem um microcosmo obviamente seu Reino Interno épovoado por milhares e milhões de criaturas elementais atômicas como as quehabitam e trabalham no macrocosmo.
3-O Corpo Astral: a Emoção
Praticamente todas as escolas do nível de Jardim de Infância da Ciência Hermética falam do corpo astral. Eidolon era a denominação dada pelos gregosantigos ao corpo astral. Na Índia é o Linga-sharira.
O ser humano ainda não possui um verdadeiro corpo astral. Isso que chamamos de corpo astral é tão só um corpo de desejos - A alma e o espírito não vivem nos planos moleculares. A alma e o espírito vivem nos planos eletrônicos. Os planos moleculares são regiões deinconsciência. Os planos eletrônicos são regiões de consciência pura.
É preciso começar a alimentar nosso corpo emocional com impressões nobres,seletas e elevadas, colhidas no convívio familiar e social positivos onde não haja calúnias, difamações, invejas, fofocas, intrigas; na música erudita dos grandes mestres; na arte dos grandes expoentes da Arte Régia; nos passeios junto à mãe natureza e na prática de tarefas que atendam e preencham nossas necessidades e impulsos de crescimento e desenvolvimento internos
4-O Corpo Mental: o Pensamento
Cursos de desenvolvimento de poder mental fizeram e ainda fazem grande sucesso- e também grandes estragos. "Desenvolva o poder da sua mente e seja mais feliz" poderia ser o slogan de um desses cursos.
O homem possui potencialidades e capacidades desconhecidas - e sobre isso não há dúvida. Porém, não podemos dizer que a mente é o último estágio humano.Dedicar-se ao desenvolvimento mental é algo pobre, limitado e só acontece, em última análise, por causa da ignorância das pessoas e da esperteza dos vigaristas.
Tem-se dado muita importância à mente devido ao fato de que, com ela, podemos fazer planos, cálculos, raciocínios, projeções, especulações, ilações,desenvolver maravilhosamente a memória, etc.
Muitos ainda desenvolvem a capacidade de concentrar a mente numa única coisa ou objeto. Outros, sentem orgulho porque com a sua força mental podem mover objetos à distância - e de fato o conseguem. A própria ciência tem dedicado estudos e pesquisas acerca dos poderes e possibilidades da mente. Militares russos e americanos chegaram até a fazer experiências no sentido de usar a mente como detonador de armas teleguiadas. Porém, ainda que tudo isso seja maravilhoso e fantástico, representa apenas um estágio do conhecimento e do uso de nossas infinitas possibilidades - para o bem ou para o mal, para construir ou para destruir.
A inteligência é uma faculdade da Consciência. Quanto mais consciente for um homem mais inteligente ele será.
5-Manas: a Consciência
Manas é de natureza masculina. Manas é o perfeito reflexo da mente cósmica em nós. Manas é a Consciência, a verdadeira mente universal. A faculdade de Manas é a intuição. Manas é conhecida também como o Corpo da Vontade Consciente.
Simbolicamente, este corpo de vontade ficou estampado com o sangue do Divino Mestre no Lenço de Verônica quando o Drama Cósmico da Iniciação foi representado ao vivo nas ruas da antiga Jerusalém.
Manas é Tipheret na Cabala - o centro da Árvore da Vida. Manas, a alma humana,a Consciência, não é o corpo mental. Manas trabalha e atua de forma independente da mente, das emoções e do corpo. Manas está além da mente, dos afetos e das recordações.
A psicologia confunde a Consciência com o ego. Muitas escolas e ordens que atuam no Jardim de Infância do esoterismo da humanidade vão além, dividindo o ego em Eu Superior e Eu Inferior.
A Filokalia e a Cosmologia ensinam claramente que ego é ego e Consciência é Consciência. A Consciência é uma faculdade e um atributo da Alma e do Ser.
6-Buddhi: a Alma Divina
Atman possui duas almas gêmeas: Buddhi e Manas. Buddhi é a Alma Espiritual, de natureza feminina, denominada Beatriz na Divina Comédia de Dante Alighieri.Buddhi e Manas são os dois peixes do zodíaco que nadam nas águas negras e profundas da Eterna Mãe-Espaço. Buddhi e Manas são os dois opostos, masculino e feminino, que se conciliam na Mônada (Atman) para formar a tríada imortal -o segundo triângulo divino.
A imortal tríada de qualquer homem comum e corrente não está encarnada, não vive no homem, nem o homem a possui dentro de si. A imortal tríada vive livremente na Via Láctea espiritual e a única ligação existente com o homem terrestre se dá através do antakarana, o tênue fio da vida.
O homem tem uma alma mas não a possui.
7-Atman: o Espírito
Atman é o mais elevado dos 7 princípios constitutivos do homem. Atman é o Ser,o íntimo. O Ser é a síntese da Consciência, da Energia e da Substância. Atmantambém é a síntese do Ser Supremo . O cristianismo denomina o Ser de Espírito. Atman, em sânscrito, quer dizer"Alma"; "Mahatma" significa grande alma.
Atman possui duas almas, emanadas de si mesmo: Buddhi e Manas, alma espiritual e alma humana. Poucos seres humanos chegaram a encarnar Atman, o Íntimo. Quem encarna Atman torna-se, por direito próprio, um Mestre do Tempo e da Eternidade - toma-se um Ser Auto-realizado, um Ser Imortal.
O mundo do íntimo é totalmente eletrônico e espiritualizado, um mundo de infinita felicidade.

Na China antiga, ensinava-se que o corpo humano apresenta um complexo sistema de canais ou meridianos de energia, no qual circula a Força Vital ou Chi, responsável pela manutenção da vida e da saúde. A Medicina Tradicional Chinesa utiliza este sistema para tratar as enfermidades e os desequilíbrios orgânicos. Além desta força vital, acreditava-se na existência de uma energia ancestral (Tinh) associada à energia mental ou psíquica (Than), correspondendo ao conjunto dos sentimentos e pensamentos humanos. Como outras instâncias da individualidade humana, citam ainda a Alma inferior, a Alma Superior e o Espírito Divino.Na Índia dos brâmanes e budistas, entende-se que o corpo físico (Sthula Sharira) é envolto por um veículo composto pelo éter, denominado Linga Sharira. Estas entidades, corpo físico e corpo etérico, são energizadas pela força vital ou Prana, uma corrente do oceano de vitalidade (Jiva) ou fluido cósmico universal. Como princípios intermediários, temos o corpo das paixões, das emoções e dos sentimentos (Kama-Rupa), a mente ou alma humana (Manas), que se divide em Manas inferior (intelecto) e Manas Superior (consciência). Num nível acima teríamos a alma espiritual ou Buddhi, que é a manifestação da Sabedoria Celestial, intuindo o homem ao auto-aperfeiçoamento moral e espiritual. Como entidade máxima teríamos o Atma (Espírito), fonte primordial de onde emanam todas as demais manifestações.

No Egito dos faraós, a constituição humana era compreendida, além do corpo material (Kha; Chat), pela aura ou invólucro etéreo (Ba; Anch), pelo veículo das paixões e emoções ou corpo astral (Khaba; Ka), pela alma animal (Seb; Ab-Hati), pela alma intelectual ou inteligência (Akhu; Bai), pela Alma Espiritual (Putah; Cheybi) e pelo Espírito ou Alma Divina (Atmu; Shu).

Na Grécia antiga, Platão, elaborando as concepções de Sócrates, transfunde a idéia de que o homem era composto pela dualidade corpo e alma (Eu superior), intercalados pelos prazeres e pelas emoções (thumos ou coração). Aristóteles, seu grande seguidor, alterou a concepção do mestre, definindo a alma como o princípio vital e racional, material e espiritual, que habita o homem, misturando conceitos distintos (Aether, Quintessência, Alma), por não acreditar numa vida pessoal após a morte física .

Hipócrates, o “pai da Medicina”, define a força vital (vis medicatrix naturae) como uma força instintiva e irracional, que se esforça para manter o equilíbrio das funções orgânicas, sem qualquer relação com o conceito aristotélico.

Filosofia grega reconhece no homem:1- Corpo material (soma); 2- Força vital (vis medicatrix naturae); 3- Alma animal ou veículo das paixões e emoções (psyche); 4- Alma humana, mente ou intelecto (nous).
De Hipócrates até o século XIX, a Medicina foi influenciada pelo pensamento vitalista, que acreditava na existência de um princípio vital imponderável, ligado substancialmente à materialidade orgânica, responsável pela manutenção da saúde do corpo físico. Personalidades como Erasistrato, Rhazes, Paracelso, Sydenham, van Helmont, Stahl, von Haller, Claude Bernard dentre outras, defendiam o princípio vitalista, mas sem utilizarem um método terapêutico para equilibrarem a força vital orgânica em desequilíbrio.
No final do século XVIII, Samuel Hahnemann cria a Homeopatia, inaugurando uma etapa da terapêutica humana em que a unidade entre a doença e o doente passa a ser valorizada, atuando com seus medicamentos dinamizados nas distonias da força vital, transmitindo ao restante da individualidade humana (Mente e Espírito) um bem-estar indizível. Desta forma, disseminou-se a idéia geral de que o homem possui um corpo e uma Alma ou Espírito, sem levar em consideração as demais entidades imateriais da individualidade humana.
Na concepção cristã do Novo Testamento, encontramos conceitos como Alma e Espírito, utilizados indistintamente como sinônimos, representando a entidade espiritual e divina que habita o corpo humano. Em inúmeras passagens, a palavra “espírito” é utilizada com o significado de entidades obsessoras que perturbam os homens, causando-lhes doenças e outros tipos de perturbações psíquicas. São Paulo, na Primeira Epístola aos Coríntios (I Co. XV, 35-49), delega uma natureza corporal ao espírito, como as concepções orientais citadas anteriormente (“também há corpos celestiais e corpos terrestres”; “se há corpo natural, há também corpo espiritual”). Na Segunda Epístola aos Tessalonicenses (II Ts. V, 23), utiliza a divisão tríplice humana (corpo, alma e espírito): “e o vosso espírito, alma e corpo, sejam conservados íntegros e irrepreensíveis”; relaciona a alma às faculdades sensitivas e o espírito à mente ou razão, de acordo às concepções esotéricas orientais de corpo astral e corpo mental, respectivamente (Hebreus IV, 12). Apesar da concepção tríplice do homem ter sido admitida e ensinada pelos precursores da Igreja Católica (Irineu, Justino Mártir, Clemente, Orígines, Gregório e Santo Agostinho), não é ensinada atualmente pela mesma.
Segundo a Cabala hebraica, que corresponde ao conhecimento esotérico do povo judeu, o homem apresenta um Guph (corpo físico), unido substancialmente ao Nepesh (alma vivente), servindo de morada terrena às demais estruturas sutis em processo de evolução. Como entidades intermediárias temos a alma animal ou Tzelem (ou Nephesh) e o Ruach (alma intelectual). Constituindo uma tríade superior, temos o Neshamah (Alma Humana), o Chiah (Alma Espiritual) e o Yechidah (Espírito Divino). Como fruto deste “conhecimento iniciático oriental”, trazido por Christian Rosenkreuz e Helena P. Blavatsky, surgem, no Ocidente, a Rosa-Cruz e a Teosofia, apresentando um estudo pormenorizado da natureza imaterial humana.
Concepções rosa-cruz e teosófica:
1- Corpo vital e o duplo etérico (Linga Sharira); 2- Corpo de desejos e o corpo astral (Kama-Rupa); 3- Mente e o corpo mental (Manas inferior); 4- Espírito Humano e o Corpo Causal (Manas Superior); 5- Espírito de Vida e o Corpo de Beatitude (Buddhi); 6- Espírito Divino e o Espírito (Atma).
Rudolf Steiner cria a Antroposofia, trazendo contribuições às várias áreas do conhecimento humano. 1-Corpo etéreo ou vital; 2-Corpo anímico-sensitivo ou corpo astral; 3-Alma do intelecto ou organização do Eu; 4- Alma da Consciência, Personalidade Espiritual; 5- Homem-Espírito, em analogia às demais definições citadas.

A Doutrina Espírita de Allan Kardec apresenta uma visão ternária do homem, constituída pelo princípio vital (união entre corpo físico e força vital), perispírito e Espírito. Com o termo perispírito, une o corpo astral e o corpo mental das demais concepções filosóficas, em vista da dificuldade de separação entre os sentimentos e pensamentos humanos. concepção vitalista de Samuel Hahnemann, fundador da Homeopatia, apresenta um panorama universalista, com conceitos semelhantes aos citados em todas as épocas da Humanidade: força ou princípio vital, ligada substancialmente ao corpo físico, de caráter automático, instintivo e irracional, reagindo aos diversos estímulos no sentido de manter a homeostase interna; mente ou “órgão de mais alta hierarquia”, abrigando os sentimentos e pensamentos humanos, funcionando como elo de ligação entre a unidade físico-vital e a Alma ou Espírito(www.homeozulian.med.br)
Os 7 cosmos:
1º) PROTOCOSMO: SÓIS ESPIRITUAIS GIGANTESCOS O Protocosmo é o mesmo que Ain Soph Aur. É formado por uma infinidade de SÓISESPIRITUAIS. Não se trata do sol que nos ilumina ou algosimilar. É um sol transcendental, divino. O Protocosmo é oMundo 1. É a primeira lei: A VONTADE DO PAI. Toda “matéria”deste mundo está constituída por um átomo. É uma região onde reina a mais pura e absoluta liberdade e felicidade sem limites. Não há nenhum condicionamento ou mecanicidade. Tudo flui livremente. A nota que ressoa no primeiro cosmo é DÓ.
2º) AYOCOSMO: TODAS AS GALÁXIAS, Ayo significa santo, divino. É constituído pelos milhões de planetas e sóis que viajam pelo espaço infinito. Corresponde a TODAS AS GALÁXIAS existentes.“...são as três torças chamadas Pai, Filho e Espírito Santo. Estas três forças vêm a constituir a Sagrada Triamazikano. Toda “matéria” do Ayocosmo está constituída por 3 átomos do Absoluto. A nota que vibra no segundo cosmo é SI.

3º) MACROCOSMO: CADA GALÁXIAS Macro significa vasto. Está constituído pelas galáxias do imenso espaço. A VIALÁCTEA é a nossa galáxia, é uma entre milhares e faz partede uma família de outras vinte galáxias, dentre as quais citamos Andrômeda e as Nuvens de Magalhães, que são vizinhas mais próximas. O Macrocosmo Via Láctea é formado por 250 bilhões de estrelas, sendo que podem ser vistas a olho nu. O terceiro Cosmo corresponde a TODOS OS SÓIS. Macrocosmo. Este cosmo vibra com anota LA.

4º) DEUTEROCOSMO: CADA SISTEMA SOLAR . O nosso Deuterocosmo é o Sistema Solar de Ors, onde temos nosso Ser. Na Via Láctea existemilhões de sistemas solares. Toda “matéria” do Deuterocosmo estáconstituída por 12 átomos do Absoluto. Vibra com anota SOL.

5º) MESOCOSMO: CADA PLANETA , qualquer planeta é um Mesocosmo. A Terra é o nosso Mesocosmo. Vênus, Mercúrio, Marte, Júpiter, também o são.Toda “matéria” do Mesocosmo está constituídapor 24 átomos do Absoluto. O Mesocosmo ressoa com a nota FÁ.

6º) MICROCOSMO: CADA HUMANO O homem é um Microcosmo. Os bilhões de seres humanos que vivem no planeta Terra são Microcosmos. O homem está governado por 48 leis eternas. Nos 48 cromossomas queconstituem a célula germinal, está a comprovação das 48 leisregentes do ser humano. Toda “matéria” do Microcosmo está constituída por 48 átomos do Absoluto. Neste cosmo vibra anota Ml.
7º) TRITOCOSMO: INFERNOS ATÔMICOS. O Tritocosmo corresponde ao Mundo Mineral Submerso. O sétimo mundo é o próprio Abismo, Avitchi, Tártarus, Orcus, Averno, Suplicio Amarelo ou, como é popularmente conhecido, INFERNO. A palavra “Inferno” vem de Infernus que significa Inferior.Aqui não se trata do subsolo do planeta, com seus componentes minerais. O Tritocosmo ressoacom a nota RÉ. Depois de tudo, volta ao Absoluto, com a nota DÓ.
Depois desta viajem pelo Universo oculto surgiu uma inquietante dúvida, várias vezes foi mencionado a "consciência", como um dos corpos do Homem, mas em termos da Medicina existem os vários níveis de consciência, mas traduzindo um estado patológico, que relação existe entre a consciência referida pela filosofia ou religião e pela Medicina? Mas essa resposta terá que ser em outro post.

4 comentários:

Experiencias de uma vida disse...

Oi céu
Muita Paz
Plagiando meus netos,e desculpando-me pela a licença poética , eu afirmo ... ( desta vez você arrebentou...)
Muito completo teu Post,procurando tudo que se relacionava com o tema escolhido você foi fundo .
Parabéns
Eu desde de criança sempre fui uma leitora voraz,acho que puxei a meu Pai .
Por esse motivo , tomei a liberdade de imprimir, teu Post ,para que com a calma precisa absorver tantos assuntos interessantes .
Como tuas pesquisas foram tão completas e citastes também Allan Kardec o coodificador da Doutrina Espírita,
Tomo a liberdade de , nem que seja por curiosidade, pesquizares as obras de Ramatis
Que tem como autor espiritual Atanagildo e são psicografadas por Hercílio Mães .
A principal é
A vida no Planeta marte e os Discos Voadores (1955) e
A Sobrevivência do Espírito (1958)
Como vês quando foram publicados esses livros ,ainda nem tinhas nascido,e eu já os lia ,apreciava e questionava (Não parece talvez ,mas eu sou bastante questionadora ... não sei muita coisa ,mas sou)
Eu sou apreciadora destas obras pois sinto um cunho de orientações cientificas,não sei ao certo,pois sou leiga nestes assuntos.
Espero que não me leves a mal ,pelo fato de seres Católica .Mas eu também não sou espírita,sou sim muito curiosa a respeito de tudo que se encontra no universo ...e existe no Universo muito mais do que a nossa vã filosofia pode explicar . Metidinha eu ,não?
Amiga muita paz e felicidade a ti e todos os teus
Abraços
Dessa velha amiga
Alcione

Céu disse...

Obrigada Alcione por seu comentário, paz para você também.
Obrigada pel a dica dos livros, irei procurá-los, parecem ser interessantes.
Que surpresa agradável, saber que você é ligada no Universo. Tantos anos morando em frente a você e nunca trocamos idéias, quem sabe se tivéssemos trocado idéias eu não teria avançado mais no conhecimento desse mundo muito ambionado, muito falado, mas com muito mistério em torno. Essa frase que você utilizou "existem mais coisas entre o céu e a terra que a nossa vâ filosofia pode alcançar" é uma das que utilizo com frequencia cada vez maior ao perceber, tristemente, que tanto queria saber do Universo e do ser humano,mas nada sei.
Um forte abraço e grande admiração
Nemastê

dharmadhannyaEL disse...

Lindo texto. Muito grata por compartilhar. dhannya_el

Céu disse...

Obrigada pelo seu comentário, dhannya_el! é muito gratificante sabermos que alguém nos "escuta"
Namastê!