Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

domingo, 18 de abril de 2010

Deus precisa de Ti!

Deus precisa de ti. Uma ideia que a priori poderíamos pensar que alguém estaria fazendo onda com a nossa cara, isso seria pouco credível, sendo Ele Onipotente, Onipresente, Oniciente, criador do Universo e de todas as criaturas, que tem o poder da vida e da morte, precisaria de mim? sendo a mais imperfeita de suas criaturas. Porém ontem na Homília o padre citou alguns dos milagres que Jesus fez, em todos eles foi com a ação do Homem:
1- Bodas de Canã: disse:“trazei as tinas e enchei de água”, ele poderia simplesmente fazer surgir o vinho dentro das tinas, mas ele quis que nós nos esforçássemos para alcançar a Graça desejada ou pedida.
2- A ressuscitação de Lázaro: Ele disse: “Removei a pedra e retirem as ligaduras…” novamente os Homens agiram para que pudesse se manifestar.
3- A 3ª aparição depois da Paixão. Onde disse aos pescadores: “ lançai as redes à direita do barco” eles encheram as redes de peixe, quando haviam passado a noite sem conseguir pescar um único peixe.

4- A cura do cego: Jesus disse "vai lavar-te no lago...", mais uma vez Deus se manifestando, mediante a ação do Homem
Acrescento outra:
5- Pedro caminhando sobre as águas. Jesus lhe disse: “vem” e Pedro por breves segundos andou sobre as águas, mas depois duvidou e começou a se afundar. Este é o exemplo mais paradigmático de que os milagres de Deus dependem da nossa Fé e de darmos o primeiro passo para Deus realizar.


Dois cânticos nas Missas Dominicais


1-Deus precisa de ti, amigo
Deus precisa de ti, amigo

Deus precisa das tuas mãos, Deus precisa do teu olhar
Deus precisa da tua boca e do teu coração para amar
Deus precisa de ti amigo, deixa sonhos e ilusões
Deixa as redes vem comigo, vem conquistar corações

São muitas as mãos que não dão e maltratam.
Deus precisa das tuas mãos para repartir
São muitas as mãos que separam e que matam
Deus precisa das tuas mãos pr’abençoar e unir.

Há quem não dê aos olhos e chorando
Deus precisa também dos teus olhos para guiar
Há muitos olhares e ódio matando,
É preciso que os teus olhos saibam sorrir e brilhar.

2- A Barca
Tu, te abeiraste da praia Não buscaste nem sábios nem ricos,somente queres que eu te siga!
Senhor, tu me olhaste nos olhos,a sorrir, pronunciastes meu Nome,lá na praia, eu larguei o meu barco,junto a Ti buscarei outro mar...

Tu sabes bem que em meu barco Eu não tenho nem ouro nem espadas somente redes e o meu trabalho.

Senhor, tu me olhaste nos olhos,a sorrir, pronunciastes meu Nome,lá na praia, eu larguei o meu barco,junto a Ti buscarei outro mar...

Tu, minhas mãos solicitas,meu cansaço que a outros descanse,amor que almeja seguir amando.

Senhor, tu me olhaste nos olhos,a sorrir, pronunciastes meu Nome,lá na praia, eu larguei o meu barco,junto a Ti buscarei outro mar...

Tu, pescador de outros lagos,ânsia eterna de almas que esperam,bondoso amigo que assim me chamas.

Senhor, tu me olhaste nos olhos,a sorrir, pronunciastes meu Nome,lá na praia, eu larguei o meu barco,junto a Ti buscarei outro mar...

É através de nós que Deus realiza os milagres, se formos remexer nas nossas lembranças, encontraremos situações em que fomos instrumento de Deus para o milagre realizado. Com certeza todos já passaram pela experiência de chegar no momento exato em que alguém precisava e ouvir: "foi Deus que te enviou, chegou na hora certa" ou pela experiência de estar precisando de algo e de repente alguém lhe oferecer, por exemplo, estar triste, magoado, deprimido e sem esperanças e de repente receber uma mensagem de alguém com dizeres que te elevam e fortificam, como se soubesse exatamente como você estaria se sentindo, mas na verdade não sabia, foi Deus agindo através desse alguém.

Jesus disse: "Sede vigilantes", significa que precisamos saber ouvir as mensagens que Deus nos envia em todas as situações e compreender quando Ele está precisando do nosso agir, para que sejamos o instrumento pelo qual um milagre realizar-se-á, por mais simples e insignificante que possa parecer.

Nenhum comentário: