Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

quinta-feira, 17 de maio de 2012

O que é o Amor?

Hoje fui até ao "baú" das recordações e encontrei algo mais sobre o amor:
"Um esposo foi visitar um sábio conselheiro e disse-lhe que já não amava sua 
esposa e que pensava em separar-se. O sábio escutou-o, olhou-o nos olhos e disse-lhe apenas uma palavra: 
- Ame-a. E logo se calou. 
- Mas, já não sinto nada por ela! 
- Ame-a, disse-lhe novamente o sábio. 
E diante do desconcerto do senhor, depois de um breve silêncio, disse-lhe o seguinte:"Amar é uma decisão, não um sentimento; amar é dedicação e entrega...Amar é um verbo e o fruto dessa ação é o amor...O amor é um exercício de jardinagem: arranque o que faz mal, prepare o terreno, semeie, seja paciente, regue e cuide... Esteja preparado porque haverá pragas, secas ou excessos de chuvas mas nem 
por isso abandone o seu jardim... Ame seu par, ou seja, aceite-o, valorize-o, respeite-o, dê afeto e ternura, admire e compreenda-o...Isso é tudo... Ame!!!" (autor desconhecido)
Hoje em especial o amor tomou conta do meu ser  por isso "vejo" o amor em tudo, no significado das palavras mais importantes:
Vida = É o Amor existencial.
     Razão = É o Amor que pondera. 
Estudo É o Amor que analisa 
Ciência = É o Amor que investiga
Filosofia = É o Amor que pensa
Religião = É o Amor que busca Deus
Verdade = É o Amor que se eterniza
Ideal = É o Amor que se eleva
= É o Amor que se transcende
Esperança = É o Amor que sonha
Caridade = é o Amor que auxilia
Fraternidade = É o Amor que se expande
Sacrifício = É o Amor que se esforça
Renúncia = É o Amor que se depura
Simpatia é o Amor que sorri
Trabalho = É o amor que constrói
Indiferença = É o Amor que se esconde
Desespero = É o Amor que se desgoverna
Paixão = É o Amor que se desequilibra
Ciúme = É o Amor que se desvaira
Orgulho = É o Amor que enlouquece
Sensualismo = É o  Amor que se envenena
Ódio, que julgas ser a antítese do Amor, não é senão o próprio Amor que adoeceu gravemente.
 Francisco Cândido Xavier
 
 no cântico religioso:
BELO 
Belo pra mim 
É criança a brincar 
É ouvir mil canções 
Numa concha de mar 
É chuva caindo 
É campo em flor 
E acima de tudo  
É o amor – o amor 
Belo pra mim 
Quando estou a sofrer 
E as trevas da alma 
Começam a crescer 
Lembrar com alegria 
Que além, muito além 
A espera de mim 
Existe alguém 
Ah, Ah! Existe alguém 
Ah, Ah! Existe alguém 
Que energia maravilhosa é a energia do Amor!

2 comentários:

Alcione Sousa disse...

Oi Céu
Só mesmo o amor ao Próximo nos leva a Deus
Namastê

Céu disse...

Obrigada amiga, pelo seu comentário, mais porque assim sei que na altura em que o fez estava bem! Graças a Deus.Que Ele lhe proteja e abençoe!
Namastê!