Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

sábado, 23 de julho de 2016

Terrorismo expressão da exploração e manipulação oculta da loucura

As notícias que percorrem o mundo inteiro deixam os Homens  chocados, perplexos, indignados, revoltados e impotentes  diante da vulnerabilidade quando confrontados com tamanha barbaridade, brutalidade com que seres (des)humanos, irracionais, criminosos,  atingem, de forma covarde, vil, biltre, outros Seres Humanos, inocentes, alguns que nem se quer atingiram a idade adulta,  como nos atentados ocorridos (dos mais recentes aos mais antigos deste ano:Ataque em Munique e trem em Würzburg, no sul da Alemanha; Nice; Ataque na Discoteca em Orlando, aeroporto de Zaventem e metro. Uns praticados por "loucos solitários", outros "loucos´gregários". 
O significado do terrorismo é controverso, polêmico e discutível:  "Conjunto de atos de violência cometidos por agrupamentos revolucionários"..."1.Modo de coagir, ameaçar ou influenciar outras pessoas, ou de impor-lhes a vontade pelo uso sistemático do terror. 2.Forma de ação política que combate o poder estabelecido mediante o emprego da violência"...."Maneira de estabelecer uma vontade através do uso contínuo do terror...[Por Extensão] Comportamento intolerante e ameaçador usado por quem defende uma ideologia, religião, para com os que não aceitam suas ideias: terrorismo cristão.Utilização organizada e metódica da violência com propósitos políticos, normalmente por meio de atentados, buscando desorganizar a sociedade vigente. Intimidação feita pelo uso da violência buscando amedrontar um povo ou governo, normalmente, baseando-se em questões ideológicas ou políticas.Regime político que se pauta em ações de violência". Deste conceito pode-se deduzir que aquele que pratica o terrorismo ataca terceiros e não a si mesmo. Portanto, seguindo essa linha de raciocínio, um ato de loucura não seria considerado terrorismo, dentro deste significado, entretanto, terrorismo tem como raiz "terror" e terror é o "estado de pavor intenso, caracterizado por uma grande quantidade de medo". Sem sombra de dúvida, os atentados referidos têm em comum o terror generalizado que provocaram.
Um ato de loucura igual ao que foram notícias, não sendo terrorismo seria então uma carnificina, uma chacina, um massacre coletivo, um hecatombe, assim mesmo falta um elo de ligação, porque normalmente esse tipo de "loucura" envolvendo muitas pessoas tem um cariz de vingança, retaliação, guerrilhas entre grupos rivais, o que não se enquadra neste contexto.
Contudo, é importante saber o significado de loucura:"A loucura é a privação do uso da razão ou do bom senso. Até finais do século XIX, a loucura estava relacionada com o incumprimento das normas sociais estabelecidas. Aliás, certas doenças como a epilepsia eram associadas à loucura. A noção de loucura está relacionada com um desequilíbrio mental que se manifesta numa percepção distorcida da realidade, na perda de autocontrolo, em alucinações e em comportamentos absurdos ou que não se justificam.A loucura também está relacionada com a demência, um termo de origem latina que significa “desligado ou alheio da mente”. Esta doença consiste na ausência ou na perda das funções cognitivas, que geralmente impede de realizar actividades quotidianas". Os atentados provocados pelos "loucos solitários" poderiam ser, dentro do significado referido, um ato de loucura isolado, porém, que ato  é esse em que o "louco" se inspira em "outro louco" tem em seu poder uma arma sofisticada e ninguém da família percebe? ou que vai 2 vezes ao local onde executará o seu ato de  loucura, para acertar os detalhes antes da execução do mesmo? Que possa ter algum distúrbio mental é aceitável, pois existem variados graus de distúrbio mental assim como várias formas de se manifestarem, mas não é suficiente para justificar tais massacres. Entretanto como são vulneráveis  são "presas" fáceis nas mãos de manipuladores eloquentes que exploram essa privação do uso da razão e bom senso que configura a loucura, tornando-os autênticas marionetas nas mãos destes sim, criminosos covardes. Aí sim, neste caso, já seria uma explicação aceite pela razão, ou seja :
O terrorismo como forma de expressão da exploração e  manipulação oculta da loucura de um ser humano, tornando-o uma "máquina assassina"usada para espalhar o terror entre os povos.
O combate a esse terrorismo talvez passe pela Comunicação Social, que não deve a todo o momento divulgar o nome dos " loucos marionetas", nem se quer deve ser mencionado, a não ser que tenha escapado e conseguido fugir, aí sim deve ser amplamente divulgado para que possa ser capturado e receber o tratamento adequando (médico e/ou judicial). Depois pelos órgãos de segurança que devem centrar a investigação visando encontrar os reais criminosos, aqueles que manipulam e exploram os que apresentam algum distúrbio mental e os transformam, através de sua doença, em "máquinas assassinas"espalhando o terror/caos entre os povos.
Para todas as vítimas fatais do terrorismo: Que encontrem a Luz Perpétua, para as vítimas não fatais do terrorismo: Força para superar o trama sofrido ou vivido;

 Para os "loucos marionetas" vítimas de manipuladores, que Deus seja misericordioso.

 Mas para esses manipuladores vil, covardes, radicais, extremistas e exploradores da loucura dos doentes: Que sigam para as profundezas para viverem no caos que tanto gostam e continuarem rastejando aos pés do criador do caos, visto que fizeram mau uso do livre arbítrio por Deus conseguido, escolhendo a trevas ao invés da Luz, a não ser que mostrem arrependimento e expiem o seus pecados segundo a Justiça Divina.

http://conceito.de/loucura#ixzz4FFQhot3n
 http://www.priberam.pt/dlpo/terrorismo consultado em 23-07-2016].
http://www.dicio.com.br/terrorismo

Nenhum comentário: