Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

domingo, 28 de agosto de 2016

Uma oração pelas vítimas do Terremoto ( ... na Itália) e pela Terra


A vida é uma montanha russa de elevação ( parabéns, saúde, alegria, sucesso, êxitos, sorrisos, euforia, bênçãos e Graças alcançadas) e declínio (tristezas, tragédias, catástrofes, doenças, lágrimas, perdas, morte, mágoas, depressão, ingratidão, revolta) ora as notícias  elevam o nosso "astral" como a cerimônia de abertura de uma olimpíada ou jogos olímpicos e o desempenho dos atletas participantes e dos organizadores, para no momento seguinte fazer com que nos sentimos tristes, diminuindo nosso "astral como a catástrofe ocorrida na Itália. Na mesma semana a emoção dos parabéns por "cortar a meta" ou pela performance e o êxito alcançado e logo a seguir os pêsames sentidos às famílias enlutadas pela morte de seu entes queridos, pelos bens materiais perdidos e pelo patrimônio cultural destruído, vítimas da fúria da natureza, manifestada através de um terremoto e várias réplicas em duas regiões da Itália (Amatrice, na região do Lácio, Arquata del Tronto, na região de Marcas) no passado dia 24/8/2016, expresso na forma de duas orações:
Oração pelas Vítimas das Catástrofes Naturais
Senhor, Pai da Misericórdia Reconhecemos a perfeição da Vossa criação,
pois no princípio o Senhor criou os céus e a terra e viu tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom Sabemos dos erros cometidos contra a nossa mãe natureza, mãe que sustenta a nossa vida Conhecemos as nossas falhas, aquilo que deveríamos ter feito e não fizemos Reconhecemos o nosso descuidado com a Terra Mas, hoje, eu venho pedir perdão por aqueles que ainda não Te conhecem Por aqueles que não reconhecem os desacertos humanos e vivem sem compromisso com a preservação da vida Venho rogar para que volte os Seus Santos Olhos para nós Cuida do povo arrasado pela fúria da natureza Olha para essa gente sofrida Gente que perdeu o que tinha conquistado com seu trabalho penoso e honesto Tantos sonhos interrompidos, tantas jovens vidas ceifadas Vigia essa gente que chora
Transforma a tristeza em força para continuar Consola os corações, enxuga cada lágrima Converte a saudade das vidas que se foram em esperança do reencontro Sopra o Seu Santo Espírito sobre nós e traz alento às nossas almas Dá-nos um coração puro, manso e humilde para podermos compartilhar tudo o que temos: a nossa oração, a nossa doação material
Faz de nós um instrumento de reconstrução da vida Porque queremos fazer o nosso céu, fazendo o bem na Terra

Amém!!

 Oração pela Terra
Senhor da Vida Pai/Mãe/Criador de tudo que há, pedimos que abençoes nossa nave cósmica... Que protejas a Terra de nós mesmos. Ajuda a humanidade a se tornar mais fraterna, mais ética, mais justa e pacífica... Ajuda o ser humano a compreender que deve respeitar o chão onde pisa, o ar que respira, a água que bebe, enfim, a natureza da qual faz parte.
Pedimos também alívio para os que estão sofrendo neste momento. Dá a todos eles esperança... Dá-lhes novas energias para continuarem a caminhada terrena, em busca de evolução.
Envolva a Terra em vibrações de Amor, de Paz e de Alegria pura, para que a natureza possa se recuperar dos danos causados por nós, seres humanos...
 Abençoa a natureza... na terra... nas águas... na atmosfera terrena, para que ela continue a ser a mãe pródiga e generosa para todos os seus filhos.
Amém!!

https://billvaz.wordpress.com/2010/01/15/oracao-solidaria-aos-flagelados-pelas-catastrofes-da-natureza/
http://www.mundoespiritual.com.br/orando.pela.terra.htm

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Olimpíadas 2016-Rio de Janeiro...Parabéns Brasil!


As Olimpíadas mostram sempre na abertura, um espetáculo de criatividade, beleza, luz e cor, mas a abertura desta Olimpíadas de 2016 no Rio de Janeiro, superou todas as expectativas, simplesmente maravilhosa como a cidade que a acolheu. Um show que encantou os "4 cantos da Terra" (força de expressão). Os melhores do mundo participaram nas modalidades existentes neste Pictograma.
A noite no Maracanã começou com a voz de Luiz Melodia interpretando “Aquele Abraço”, de Gilberto Gil, enquanto um vídeo passava nos telões com vistas da cidade Olímpica do Rio de Janeiro. Depois, na contagem regressiva, veio uma versão contemporânea de “Samba de Verão”, de Marcos Valle, acompanhando uma coreografia com mil pessoas que manipulavam grandes infláveis metalizados com efeito luzes e cores "vivas" formando ondas do mar foi fantástico!




A História bem retratada desde a origem da formação da Amazônia, do nativos (índios) em contato com a natureza => Mito do  Pindorama: Admite três significados: É uma designação para o local mítico dos povos Tupis-Guaranis, que seria uma terra livre dos males. Os arqueólogos acreditam que o mito tenha se formado na época das antigas migrações, quando os Tupi-Guaranis se deslocaram para o litoral brasileiro, atual região oriental da América do Sul. Vários grupos Tupis-guaranis habitavam a região até a "invasão de Pindorama", mais conhecida como "descoberta do Brasil";
região de palmeiras; Nome pelo qual os povos dos Andes peruanos e dos Pampas se referem ao Brasil,viviam na região leste da América sobrevivendo de caça, pesca a agricultura.
viria da junção do tupi pin'dob (palmeira") com "-orama" ("espetáculo"), significando, portanto, "espetáculo das palmeiras".






Passando pela chegada das 3 Caravelas portuguesas, lideradas pelo Pedro Alvares Cabral e o encontro com os nativos...








Depois  a chegada dos escravos vindos de África, trazido pelos portugueses, passando pela chegada dos orientais configurando as diversas influências etnológicas e culturais que o Brasil recebeu
O jogo de espelhos , de cores luzes foi marcante,  o início, o "quadro vivo"  formando o símbolo da paz no campo do Maracanã, numa coreografia harmônica, culminando com os fogos de artifício formando a palavra Rio no espaço.



Quão emocionante for ver a Bandeira do Brasil sendo hasteada ao som do belíssimo Hino Nacional na voz de Paulinho da Viola acompanhado pelos violinistas e todos em posição de sentido e depois vê-la flamejando imponente nas alturas.
 A formação das comunidades na periferia da Cidade Maravilhosa e o ritmo musical característico

Ver o "14 Bis", pilotado pelo seu inventor Santos Dumont sobrevoando o céu da Cidade Maravilhosa sob o som do "Samba do Avião" nova emoção surgiu... seguiu-se uma das músicas que é conhecida mundialmente "garota de Ipanema" com a imagem do seu autor, como trilha sonora do provável derradeiro (segundo o comentário feito do narrador) desfile da Modelo Gisele Bündchen


A entrada dos atletas não poderia ser mais brasileira, esportiva e ecológica: a "comissão de frente" uma morena bonita num triciclo decorado com flores, uma placa identificando o País carregando a respectiva Bandeira, ao lado uma criança carregando uma muda de planta num vaso. Cada atleta carregava uma semente que depois colocava num painel espelhado. A comitiva brasileira dos atletas foi a Última a entrar, a penúltima foi a dos refugiados (pela primeira vez há uma equipe de refugiados disputando os jogos olímpicos)

A mensagem transmitida sobre o aquecimento global e a solução através da semente  "plantada" por cada atleta culminando com o Símbolo Olímpico formado pelas sementes foi uma chamada de atenção ecológica genial 






Os atletas carregando a Bandeira Olímpica, que foi entregue aos militares que a hastearam ao som do Hino Olímpico,ao lado da Bandeira do Brasil.






Seguiu-se o acendimento da Pira Olímpica que depois de acesa  magicamente transformou-se numa Mandala

A Trilha Sonora foi bem selecionada, um enquadramento perfeito,  a "marca registrada" representativa do Brasil no mundo inteiro.
 Luiz Melodia: “Aquele Abraço”, de Gilberto Gil
 “Samba de Verão”, de Marcos Valle (instrumental)
Paulinho da Viola: Hino Nacional brasileiro
 “Toada e Desafio”, de Capiba (instrumental)
“Pindorama”, composição de Beto Villares, Antônio Alves Pinto, Renata Rosa e Marlui Miranda
“Geometrização”, participação de Fanta Konatê, Bukassa Kabengele, Sami e William Bordokan
“Construção”, de Chico Buarque (instrumental)
“Samba do Avião”, de Tom Jobim (instrumental)
Daniel Jobim ao piano: “Garota de Ipanema”
Ludmilla: “Rap da Felicidade”
Elza Soares: “Canto de Ossanha”, de Baden Powell e Vinicius de Moraes
 Zeca Pagodinho e Marcelo D2: mash-up de “Deixa a Vida me Levar”
MC Soffia e Karol Conka: “Toquem os Tambores”
“Pop - As Disputas”, composição de Beto Villares e Antônio Alves Pinto
Gang do Eletro: “Velocidade do Eletro”
Jorge Ben: “País Tropical”
Caetano Veloso, Giberto Gil e Anitta: “Sandália de Prata”, de Ary Barroso
12 baterias das escolas de samba do Rio

Parada dos Atletas: Beto Villares, Felipe Cordeiro (PA), Turbo Trio (RJ), Aláfia (SP), Rodrigo Caçapa (PE), Siba (PE), Chico Correia (PB), Marcio Wernek (SP), Luisa Maita (SP), DJ Maga Bo (EUA) e Faze Action (EUA).

Os "parabéns" não se esgotam aqui, para além de ir para o Brasil pela organização que superou todas as expectativas do mundo inteiro, pela criatividade, segurança, pelo espetáculo mágico da abertura com a trilha sonora apresentada, admirado por todo mundo, segundo os relatos da comunicação social de vários  países e pelo espetáculo igualmente mágico, criativo e bem brasileiro do encerramento como a versão do Hino Nacional em ritmo afro-brasileiro, a miscigenação das raças, os pontos turísticos que caracterizam o Rio de Janeiro (Cristo Redentor e Pão de Açúcar) formados por centenas de pessoas, a homenagem à Carmem Miranda, o desfile carnavalesco das Escolas de Samba, numa explosão de ritmo, cor, alegria, descontração, alto astral contagiante:






 Os parabéns também vão para 3 atletas que se destacaram pelos feitos realizados: Nikki Hamblin (Nova zelândia), galhardoada com uma medalha atribuída apenas 17 vezes na história da competição,Pierre de Coubertin (em homenagem ao fundador do Comité Olímpico Internacional), e é conhecido por ser atribuído pelo Comité Internacional do Fair Play (na prova de atletismo dos 5 mil metros feminino, para ajudar a adversária, que havia caído). Michael Phelps (nadador USA recordista em medalhas de ouro)  e  Usain Bolt (velocista  recordista mundial dos 100 e 200 metros rasos, além do revezamento 4 x 100 metros como integrante da equipe da Jamaica e também pelo seu aniversário 21 de Agosto), Claro que os parabéns também vão para os atletas representantes dos 207 países participantes, sendo eles medalhados ou não medalhados que deram o melhor de si não medindo esforços e sacrifícios para tentar alcançar a meta. Sem menosprezar ninguém, mas "cada um puxa a brasa para à sua sardinha", cabe dar os parabéns pela medalha de bronze no Judô (Telma Monteiroalcançada por Portugal e pelas 19 medalhas alcançadas pelo Brasil: 



Destacando as 3 medalhas no Esporte favorito, Volley , portanto, parabéns às 2 equipes campeãs (ouro masculino no Volley indoor:Bruninho, William, Lucarelli, Maurício Borges, Lipe, Douglas, Souza Wallace, Evandro, Lucão, Maurício Souza, Éder, Serginho  e Volley de Praia: Bruno Schmidt e Allison Cerutti, à equipe  que alcançou a "prata" no Volley de praia feminino:Ágatha Bednarczuk e Bárbara Seixas.
Por fim parabéns super emocionado, com orgulho, apesar de não ser o esporte favorito, à campeã seleção de Futebol Masculina e ao seu capitão, Neymar que soube liderar, ser "estrela" sem "estrelismo" e pela demonstração de reconhecimento e agradecimento a Deus não só pelo êxito alcançado, mas pela paz, harmonia, tranquilidade, alegria e segurança que reinou (embora haja 2 incidentes a lamentar: A fatalidade  que atingiu o treinador de canoagem da Alemanha slalom Stefan Henze- vítima fatal de um acidente de trânsito, que Deus o conduza a Luz perpétua e o comportamento indigno dos 4 atletas da equipe americana de natação sob efeito do álcool que prestaram declarações falsas que felizmente foram desvendadas pela polícia, sem causar maiores transtornos), nesse período, na Cidade Maravilhosa protegida pelo Cristo Redentor que acolhe a todos de braços abertos, mas nem todos se deixam acolher.


https://www.rio2016.com/noticias/qual-e-a-musica-diretores-comentam-trilha-sonora-da-cerimonia-de-abertura

domingo, 14 de agosto de 2016

Fazer o necessário ...primeiro passo para fazer o Impossível!



Uma simples frase originando obrigatoriamente uma pausa para meditar na profunda sabedoria que  encerra. São Francisco de Assis, seu autor, era de uma simplicidade e humildade tocante e ao mesmo tempo de uma grandeza espiritual admirável, mostrando ser um  iluminado em profunda sintonia com Deus através da natureza, o que explicaria a profunda sabedoria em suas frases.
Fazer...
 ...O que é necessário "dica" que pode ser percebida como fazer: A nossa parte, o que é certo/correto,  o que é justo e  legal,  repor a verdade, corrigir uma injustiça e, tendo em conta como tratava a todos fraternalmente, fazer com que a solidariedade seja difundida a partir de nós mesmos...
...O que é possível "dica" que pode ser percebida como estar: Em consonância com os nossos dons, com a nossa habilidade, capacidade, com os meios de que dispomos, com a nossa inteligência, disponibilidade e vontade...
... O impossível "dica" que pode ser percebida como buscar:  Enfrentar os obstáculos, envidar esforços para conseguir, vencer as contrariedades, resistir às pressões, superar as limitações, ultrapassar os limites,  derrubar as barreiras, encontrar a solução para os problemas encontrados,  resposta para as perguntas formuladas...

Portanto, o primeiro passo para fazer possível o impossível é fazer o que é necessário!
Esta reflexão veio no momento certo, aliás tudo acontece no momento certo, e por algum motivo ou razão para acontecer, para "recarregar a bateria" que estava muito fraca, e assim ficar fortalecida para fazer o que é necessário fazer, dentro do possível da realidade pessoal cheia de condicionantes limitantes, para conseguir o impossível perante a realidade exterior  hostil, adversa, com alto nível de stress, altamente desgastante, poder continuar sozinha, "remando contra a maré" apesar de estar certa e ter a verdade ao meu lado, lutando contra uma multidão traiçoeira, injusta e até meliante, tendo que estar 100% atenta e vigilante para não cair nas armadilhas, rasteiras e armações dessa multidão irascível que não satisfeita em destruir o sonho de uma vida, tenta a todo instante impedir de fazer o necessário, boicotando o desempenho, pressionando para desorganizar o que está organizado, promovendo um ambiente hostil de alta tensão, um"braço de ferro". por vezes quase "levando a melhor", mas  até agora infrutífero, porque quem tem Deus dentro de si e a certeza de estar fazendo o necessário, o que é justo, legal ou correto, tentando cumprir a sua parte, tem a força necessária para não tombar ou sucumbir, como aconteceu até agora.