Sua visita me deixou muito feliz...

Sua visita me deixou  muito feliz...

domingo, 31 de maio de 2009

Dons do Espírito Santo...Dádiva de Deus!


Hoje, em termos litúrgicos ( religião Católica), é o dia de Pentecostes = cinquenta dias após a Pascoa, dia em que o Espírito Santo desceu sobre os Apóstolos.


Recordando a doutrina Católica são 7 ( no contexto Bíblico o número 7 significa Universalidade, Totalidade Perfeição) dons do Espírito Santo, inspirados no profeta Isaías(11,2-3):


1º -Sabedoria=> Ela nos leva ao verdadeiro conhecimento de Deus e a buscar os reais valores da vida. O homem sábio e a mulher sábia é aquele(a) que pratica a justiça, tem um coração misericordioso, ama intensamente a vida, porque a vida vem de Deus.


2º-Inteligência => Este dom nos leva a entender e a compreender as verdades da salvação, reveladas na Sagrada Escritura e nos ensinamentos da Igreja.Ex. Deus é Pai de todos; em Jesus, Filho de Deus, somos irmãos ...


3º-Ciência => A capacidade de descobrir, inventar, recriar formas, maneiras para salvar o ser humano e a natureza. Suscita atitudes de participação, de luta e de ousadia, frente a cultura da morte.


4º-Conselho => É o dom de orientar e ajudar a quem precisa. Ele permite dialogar fraternalmente, em família e comunidade, acolhendo o diferente que vive em nosso meio. Este dom capacita a animar os desanimados, a fazer sorrir os que sofrem, a unir os separados ...


5º- Fortaleza => É o dom de tornar as pessoas fortes, corajosas para enfrentar as dificuldades da fé e da vida. Ajuda aos jovens a ter esperança no futuro, aos pais assumirem com alegria seus deveres, às lideranças a perseverarem na conquista de uma sociedade mais fraterna.


6º- Piedade => É o dom da intimidade e da mística. Coloca-nos numa atitude de filhos buscando um dialogo profundo e íntimo com Deus. Acende o fogo do amor: amor a Deus e amor aos irmãos.


7º-Temor a Deus => Este dom nos dá a consciência de quanto Deus nos ama. "Ele nos amou antes de tudo". Por isso, precisamos corresponder a este amor.


Os 7 Dons geram os frutos do Espírito, segundo São Paulo (Gálatas 5, 22-23. que podem ser agrupados em 3 grupos:


1- Qualidades espirituais mais básicas: amor, alegria, paz


2- Virtudes que se manifestam nas relações sociais: Paciência, benevolência, bondade.


3- Virtudes relativas à relação dos crentes com Deus e sua vontade revelada na Bíblia: fidelidade ou lealdade e com seu contato com os homens: mansidão. E relativas à relação que cada crente tem consigo mesmo, ou seja, com seus próprios desejos e paixões: Domínio próprio.


Encabeçando o primeiro grupo temos “o maior dos três maiores”, ou seja, o amor . Quando o amor se faz presente, a alegria não pode estar muito longe. A paz também é um resultado natural do exercício do amor.


Recordando ainda a Oração para invocar os dons do Espírito Santo

Vem, Espírito de Deus,enche os nossos corações com tua graça.

És o sopro de Deus que dá vida ao que está morto, que dá vida ao nosso ser e que nos tira do túmulo da preguiça e do comodismo.

És fogo que queima o que está errado em nós, que aquece nosso coração para amar, que ilumina nossa mente para entender.

Fazei-nos conhecer Jesus Cristo que veio revelar o amor do Pai.

Fazei-nos conhecer o pai e sua bondade infinita.

Fazei-nos tuas testemunhas, instrumentos nas tuas mãos para que os corações dos homens se transformem e assim a terra se renove.

Para que reine a justiça e a paz,a solidariedade e o amor.

Para que o Reino de Deus se estenda cada dia mais




Cada um de nós recebeu alguns dons (raros são aqueles a quem Deus presenteou com todos eles, Jesus Cristo foi um ) e condições, de acordo com o livre arbítrio, para ir adquirindo os outros que faltarem, durante a jornada da vida.

Quão maravilhoso seria se cada ser humano possuísse os 7 dons do Espírito Santo, seria o regresso ao paraíso, ainda nesta dimensão terrena, mas isso não passa de uma utopia, cada vez mais difícil de se alcançar nos dias que correm.

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Eu interior...gênio acorrentado!


O nosso eu interior nos acompanha 24 horas por dia, todos os dias do ano, trabalhando arduamente, ora sendo reconhecido, ora sendo esquecido, ora martirizado e sacrificado, ora elevado e posto num pedestal. Ora sábio conselheiro, ora acusador implacável.

O nosso eu interior nasceu connosco repleto da Luz Divina e trouxe toda a informação necessária para o nosso desenvolvimento e cumprimento da nossa missão nesta dimensão terrena, um projeto inserido no Universo.

Ao longo do nosso desenvolvimento a Luz Divina pode se tornar resplandecente ou ofuscada de acordo com a nossa interação com o meio que nos rodeia e como vamos lidando com o nosso eu racional, eu psíquico e o eu emocional.

No dia a dia a nossa agenda está sempre lotada, não deixamos um espaço, mesmo que pequeno, para nós próprios. Não nos apercebemos o quanto vamos nos afastando do nosso eu interior, onde a nossa criança mora e está sempre a espera para brincarmos juntos novamente, rirmos descontraídos, relaxados e despreocupados como fazíamos na nossa infância, onde a voz de Deus pode ser ouvida e entendida.

A solução dos problemas, as respostas que precisamos encontrar e até mesmo a cura de muitos males e doenças, é conseguida através do encontro ou reencontro com o nosso eu interior, do libertar a criança interior, deixando de lado a capa ou máscara que usamos no dia a dia na sociedade, inclusive passa por nos perdoarmos pelas faltas e culpas que carregamos, assim como perdoarmos os erros dos outros, passa também por "zerarmos" os acontecimentos negativos.

Antes de adormecermos deveríamos fazer a "faxina" do nosso cérebro, "limar as arestas" jogar no lixo tudo de negativo ou de ruim que nos aconteceu durante o dia, conseguimos isso através de exercícios de relaxamento, meditação, auto hipnose, em relação a este último uma dica para quem não consegue fazer sozinho: o livro "Meditação" do Brian Weiss, constituído por um CD que vai guiando o exercício. Se assim fizermos, ao acordarmos teremos assim condição de enfrentar o dia com todos os seus acontecimentos, sem estarmos sobrecarregados com os acontecimentos do dia anterior ocupando o nosso cérebro e o nosso interior inutilmente porque já pertence ao passado, mas que não deixa espaço para os acontecimentos do presente.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Amigo um bálsamo do coração!

recados orkut
RecadosOnline - A forma mais criativa de dizer Obrigado está em RecadosOnline. Clique para ver!

O coração bate feliz com o bálsamo que recebe, quando um amigo "aparece" fisicamente ou espiritualmente através de uma mensagem seja ela na forma de cartão, msm, carta, recado online, ou simplesmente através do pensamento que envia pelo vento e que é percebido como uma emoção surgida do nada no silêncio da noite.
Quão fascinante é sentir a presença de alguém querido, sem que a razão consiga dar uma explicação para esse sentir e pulsar de uma emoção que estimula os sentidos, seria lógico, primeiro os sentidos serem estimulados em consequência surgir a emoção e não o contrário, primeiro a emoção surgir do nada estimulando os sentidos que desencadeia a reação de todo o organismo. Como disse Richard Bach longe é um lugar que não existe, o pensamento é livre de qualquer barreira, quando pensamos em alguém, às vezes até sem termos consciência de que o estamos fazendo, nossos pensamentos são captados por esse alguém que acaba por pensar em nós, então se a sintonia existente for muito intensa é quase como se houvesse telepatia, os pensamentos de um são captados pelo outro, nem sempre de forma lógica ou racional, como por exemplo sentirmos a fragrância do outro, sem que a nossa volta tivesse alguém usando-a, provavelmente esse foi o "envelope" da mensagem que foi codificada pelo coração e que a razão tenta interpretar, mas só consegue levantar hipóteses, uma delas é que o outro teria pensado em nós nesse momento.
Existe uma "comunicação" silenciosa muito desenvolvida por aquele que ama, talvez por isso tenha uma intuição elevada, e seus canais energéticos desbloqueados de tal forma que consegue, ou pensa conseguir, captar os pensamentos, as vibrações (ambos formas de energia)do ser amado e suas ações são ditadas pelas emoções e sensações despertadas.
Será que essa comunicação pode ser aprendida ou treinada sem que a pessoa esteja envolvida pelo amor, isto é, usando as propriedades intelectuais? se for que parâmetros servem para distinguir entre ser, manifestação de loucura, um delírio ou ser manifestação da intuição ou sexto sentido desenvolvido?
Seja como for, pelas emoções sentidas ou vividas, obrigada a você, amigo, bálsamo do meu coração!

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Momento interior...condicionante do exterior



O Homem sofre influência do meio exterior, isto é um fato incontestável. Contudo o seu momento interior condiciona sua percepção e interação com o exterior.

Sempre que o sol surge parece que uma mola nos ejecta para fora da cama, temos a sensação de estar desperdiçando o dia se permanecermos mais um segundo que seja na cama. Temos um novo ânimo, renovam-se as esperanças, sentimos necessidade de aproveitarmos o tempo ao máximo, temos motivação para fazer planos, delinear projetos. Porém nem sempre é assim que funciona:


* Quantas vezes o sol está brilhando através da janela e nós não sentimos vontade de deixar a cama, inclusive até nos voltamos para o outro lado porque nos sentimos incomodados pelo fato de não sentirmos vontade de apreciar seus raios, como se não tivéssemos vida. Quando isso acontece é porque dentro de nós, o nosso momento interior está na escuridão por algum motivo, seja porque não estamos satisfeitos com o nosso desempenho profissional ou performance na vida, seja porque temos um clima desagradável no nosso trabalho, ou porque sabemos que temos e teremos situações desgastantes ou conflituosa pela frente, ou ainda porque estamos magoados, tristes, decepcionados, preocupados por acontecimentos que surgiram no nosso caminho.


*Quantas vezes não vemos o sol brilhando através da janela, mas saltamos da cama como se estivesse, porque dentro de nós o momento interior está radiante, estamos felizes, amamos e nos sentimos amados, amamos tudo que temos e tudo que a vida nos oferece, temos nossas necessidades básicas asseguradas, temos saúde, o que não significa que não tenhamos problemas, ou esperemos alguma situação menos favorável, mas como estamos em paz connosco mesmo nem percebemos que a nossa volta existem nuvens carregadas.


Esses 2 contrastes mostram que nem sempre percebemos os raios de sol que despontam no horizonte e nem sempre percebemos as nuvens carregadas que o povoam (tanto no sentido real da expressão, como no sentido figurado) tudo vai depender de nosso momento interior, inclusive a forma como reagimos diante de situações idênticas, se estivermos de bem com a vida e connosco próprio a nossa reação poderá ser carregada de tolerância, compreensão paciência, motivando uma ação positiva, mas se estivermos de mal com a vida ou connosco mesmo, essa reação poderá ser carregada de rispidez, amargura, revolta, ira, incompreensão, brutalidade, agressividade, motivando uma ação negativa despropositada.


Nem sempre o nosso momento interior estará consonante com o exterior, quantas vezes o sol brilhará lá fora e dentro de nós as nuvens pretas nos impedirá de apreciar tão belo cenário e quantas vezes dentro de nós o sol brilhará radiante e nos impedirá de ver a escuridão circundante.


Quando entendermos que tudo depende do nosso momento interior passaremos a vigiar mais nossas reações e consequentemente as ações que daí decorram, evitando que venhamos a ter atitudes e ações que possam causar danos irreparáveis aos outros e a nós próprios. Deixaremos que as pessoas que estão bem continuem bem, independente de nós não estarmos bem.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Abraço ...comunicação silenciosa de 2 corações



Um abraço é capaz de despertar um oceano de emoções e sensações, porque é a comunicação secreta e silenciosa entre dois corações, sem que a a razão possa captar ou tenha percepção do amor que os unem.

Um abraço pode ser :

...um conforto no momento de sofrimento;

...alívio de uma dor;

...expressão de gratidão;

...manifestação do desejo escondido que percorre todo o corpo;

...proteção e abrigo;

...a centelha que desencadeia o prazer;

...o inicio de um voo com destino ao paraíso.

...uma forma de aliviar as tensões e devolver a serenidade a alguém que atravesse um momento difícil ou de apreensão;

...a manifestação de "respirar aliviado" quando uma preocupação ou medo se mostram infundados;

...expressão de parabéns a alguém por um feito realizado ou sucesso alcançado,

...manifestação de carinho e ternura;

... expressão da saudade sentida;

... alegria do encontro ou reencontro de alguém querido

... a salvação de alguém;

...um refúgio ou esconderijo quando nos sentimos envergonhados ou decepcionados;

...calmante numa situação de nervosismo ou insegurança;

... recarregador da energia vital;

... o estímulo do recomeço após uma queda;

...a expressão de uma emoção contida;

... apenas a necessidade de sentir o outro, em especial, aquele que amamos.

Especialmente hoje, abre os braços deixa eu te abraçar bem forte, meu amigo querido!Expressando todo o significado que um abraço pode ter, simplesmente porque você existe, faz parte de mim e é o raio de sol que surge sempre quando o horizonte está carregado de nuvens negras!

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Mês de Maio...tempestade de emoções!



O mês de Maio outrora era o mês mais lindo, mês de Maria, das noivas (no Brasil), das mães, do coração, em síntese mês do amor. Atualmente tornou-se num mês negro em especial na semana do dia 14. Coincidência ou não desde que começou e intensificando-se nessa semana o tempo tornou-se sombrio, o horizonte ficou carregado de nuvens negras, no interior, por uma profunda dor, no exterior não só pelas nuvens negras no real sentido da palavra, mas por situações provocadas por pessoas que apresentam condutas inadmissíveis como mentiras, injustiças, falta de responsabilidade e até mesmo de caráter.
No meio de tanta escuridão desponta no horizonte dois raios de sol:

Na forma de um amigo querido que apareceu, apesar de ter também nuvens escuras no seu horizonte, colorindo o céu com as tonalidades do amor, recarregando a energia que estava chegando ao limite zero (nem o chocolate, nem o swrill de chocolate estava fazendo mais efeito)abrindo a janela da criatividade e da motivação. Tudo se modificou! Inclusive o sol surgiu, na manhã seguinte à madrugada de curta, mas profunda emoção, tornando o dia radiante de céu azul, sem nuvens e dentro a força e a serenidade necessária para enfrentar o que vier pela frente e para traçar planos. Até os passarinhos que estiveram emudecidos até então, voltaram a cantar.

No reforço da descoberta que Deus escreve certo por linhas tortas, mesmo quando pensamos que Ele nos abandonou, nos perguntamos porque determinada situação ruim ocorreu, ou porque aquilo que pedimos não aconteceu e tudo que consideramos que seja ruim, na verdade não é, a nossa visão é que é muito estreita, só passado muito tempo, por vezes anos é que vamos ver que tudo fazia parte de um plano perfeito única e exclusivamente para o nosso bem e para sermos felizes.
Esses 2 raios de sol são as manifestações humana e divina do amor, que ora desencadeia tempestades de emoções e incendeia o coração, ora é a brisa serena que desfaz o turbilhão devolvendo a paz ao coração.

sábado, 16 de maio de 2009

O Homem é um ser essencialmente carnívoro


O comentário da Lola no Post" um recado dos animais..."onde acrescentava ao "pedido" que os Homens não devorasse o boi, o coelho, a galinha suscitou uma reflexão mais aprofundada, inicialmente o recado dos animais foi transcrito apenas pensando nos maus tratos a que os animais estão submetidos e não sobre os animais serem devorados pelo Homem, não tiro a razão da Lola ou dos vegetarianos, porém, se não fosse para comer carne, então porque o aparelho digestivo possuiria enzimas para digerí-la?. O próprio Jesus fez o milagre de multiplicar um animal, o peixe, para que fosse distribuído e consumido pela multidão que o ouvia. Por outro lado, se os animais não fossem consumidos, haveria um desequilíbrio no ecossistema em que todos estão inseridos, se assim não fosse, o leão ou o tigre não comeriam a gazela, não seriam carnívoros, todos os anímais seriam herbívoros, ainda assim chegaria um tempo em que o vegetais seriam insuficiente e os anímais seriam dizimados pela falta de alimento.

Na natureza tudo está bem definido e tende ao equilíbrio, todos os seres têm funções definidas e são complementares:
1- Conceito de autotrofia e heterotrofia
Os vegetais são seres autótrofos pois, crescem e se mantém acumulando energia, a solar, via fotossíntese. A luz solar (energia) possibilita que o vegetal retire o carbono do dióxido de carbono que está no ar e o hidrogênio da água. Com esses dois elementos ele forma os hidrocarbonetos necessários para crescer e viver. É aí que fica acumulada a energia (em forma de biomassa) que ele precisa para desenvolver-se e que pode ser devolvida ao meio sob a forma de calor, se um processo de oxidação acontecer (queima por exemplo).
Já os animais, não conseguem acumular energia diretamente, via luz solar, eles são heterótrofos; têm que se alimentar dos autótrofos para obter os hidrocarbonetos para desenvolver-se, ou mesmo de outros heterótrofos que se alimentaram de autótrofos.
Outra coisa certa é que, os organismos dos animais não aceitam quaisquer seres autótrofos ou parte desses, como alimento. Cada um se alimenta com aquilo que seu organismo naturalmente pode transformar.
Se na planta o beija-flor suga o néctar das flores, as lagartas se alimentam de suas folhas etc. Se uma cabra consegue comer o capim, o homem já não teria como digeri-lo.
Essa maravilha da Natureza se chama cadeia alimentar, onde todos os seres se interrelacionam para crescer, sobreviver e perpetuar suas espécies.
Quando homem destrói um vegetal, é certo que estará dificultando ou mesmo impedindo que algum outro ser se alimente dele e que dê continuidade à sua espécie. Da mesma forma, quando o homem destróí um animal, poderá estar rompendo uma cadeia alimentar na qual se apoiam outras espécies de animais.
Tanto nos vegetais, quanto nos animais, é a energia acumulada em sua matéria orgânica (hidrocarbonetos) que vem à tona por oxidação, dando ao ser vivo capacidade de crescer e se movimentar, isto é de "manter-se vivo".
http://www.gpca.com.br/gil/art39.html

2-Fotossíntese e cadeia alimentar/teia alimentar
Nós, como a maioria dos animais, conseguimos viver graças à ENERGIA que adquire a partir dos alimentos que consome. Esta energia dá a capacidade ao seu corpo de executar todas as funções necessárias para sua sobrevivência. Esta energia é transferida ao longo de uma cadeia ou de uma teia alimentar.
As cadeias e teias podem ser de dois tipos: de pastejo e de detritos.
Cadeia ou teia de pastejo, onde a base, ou a energia que sustenta a cadeia, são as plantas (autótrofos), consumidas por herbívoros pastadores, por sua vez consumidos por carnívoros.
Cadeia ou teia de detritos, onde a base é a matéria orgânica não viva, decorrente da decomposição de corpos de vegetais e de animais e seus excrementos. Esta matéria é processada por microrganismos decompositores (fungos e bactérias), que a liberam na forma de nutrientes para as plantas, ou na forma de detritos que serão consumidos por organismos detritívoros, por sua vez consumidos por carnívoros.
Normalmente na natureza estes dois tipos estão interligados.


3- Transferência de energia
ENERGIA é definida como a capacidade de executar trabalho. O comportamento da energia na natureza segue duas LEIS NATURAIS (Leis da termodinâmica), que se aplicam a todos os sistemas biológicos.
1ª Lei da conservação de energia: a energia pode ser transformada de uma forma para outra, mas não pode ser criada nem destruída. Por exemplo, a luz é uma forma de energia que pode ser transformada em trabalho, em calor ou em alimento, mas nunca pode ser destruída, seja no seu estado natural, seja nos estados em que é transformada.
2ª Lei da entropia (em = “em”, trope = “transformação”): o processo de transformação da energia de um estado para outro não é 100% eficiente, ou seja, na transformação parte da energia de origem é dispersada sob a forma de energia térmica (calor, não disponível para consumo).

A fonte de energia que sustenta a transferência de energia em toda as cadeias e teias alimentares é produzida pelo SOL e é transferida para os diferentes NÍVEIS TRÓFICOS através das relações alimentares entre os animais. Qualquer "quebra" nesta transferência pode causar um desequilíbrio na estrutura da teia, ou seja, os elos de ligação entre os níveis tróficos são frágeis.

http://www.ibb.unesp.br/nadi/Museu3_identidade/Museu3_identidade_funcoes/Documentos/Museu3_funcoes_cadeia_1conceitos.htm

4- Proteínas são materiais de construção da estrutura corpórea do Homem
O Homem precisa consumir os animais para obter as proteínas (material de construção da estrutura corpórea). Elas são formadas por partes menores, os aminoácidos (o sistema digestivo do Homem possui enzimas, como a pepsina, a tripsina e a quimiotripsina que rompem ligações peptídicas específicas ao longo das cadeias de aminoácidos) e estes, por sua vez, são a base da síntese corporal, ou seja, formam ossos, músculos, pele e cérebro. São também os responsáveis pelo nosso código genético, já que são os formadores dos ácidos nucléicos – o DNA e o RNA -, bem como as moléculas que são responsáveis pelo armazenamento de energia em nosso corpo. Somos basicamente feitos de proteínas. A proteína é o menos disponível e o mais dispendioso dos macronutrientes. Pelo auto custo, as populações de regiões mais pobres normalmente não tem a quantidade suficiente de proteínas em suas dietas, e o baixo teor de proteínas na alimentação resulta, por exemplo, em crianças com baixo desenvolvimento, sendo consequentemente mais frágeis e suscetíveis a doenças. As fontes de proteínas mais conhecidas são carnes, peixes, ovos, leite e queijo. As melhores fontes vegetais são as leguminosas como feijão, amendoim, ervilhas e derivados do soja. Muitos cereais contêm proteínas, e as frutas e verduras são fontes moderadas. Algumas dessas fontes são complementares; por exemplo, os cereais não possuem proteínas de alta qualidade, mas quando adicionamos leite, as proteínas deste complementam as dos cereais, ou seja, o cereal com leite é uma fonte muito melhor de proteínas que o cereal sozinho. Como alguns aminoácidos não podem ser produzidos pelo nosso corpo, ele necessariamente tem de ser obtidos a partir da nossa alimentação. Esses aminoácidos são chamados de essenciais, ou seja, não podemos viver sem eles, e esse é um dos motivos para não privar as crianças de nenhuma fonte de proteínas, isto é, não se pode somente oferecer uma dieta vegetariana para crianças, pois estaríamos correndo risco de que essa criança fosse privada de alguns tipos de aminoácidos que são encontrados apenas na carne, comprometendo seu desenvolvimento normal. Um ponto fundamental, portanto, é que não podemos substituir alimentos sem que tenhamos certeza absoluta de que essa troca realmente é eficaz. http://pt.shvoong.com/medicine-and-health/1701696-prote%C3%ADnas-carboidratos/
Se por um lado é necessário o consumo de carne para obtenção dos aminoácidos essenciais, por outro o excesso de carne vermelha (vaca, porco,etc) provoca alterações no organismo, quer a nível do ácido úrico, dos lipidios, quer a nível de acumulo de toxinas que podem provocar alteração no estado de saúde do organismo. Há que haver o equilíbrio, os excessos são sempre maléficos.
A natureza é harmoniosa, cada elemento encontrado tem uma função definida, tem uma razão para existir, como numa orquestra, vários elementos diferentes que emitem sons diferentes, mas todos trabalham uníssono criando a melodia harmoniosa de uma sinfonia, se um dos instrumentos não cumprir a sua função, se faltar ou estiver em excesso, a sinfonia torna-se desafinada. Por isso o Homem deve usufruir da natureza com moderação e respeito, retirar dela o essencial para a sua sobrevivência sem extremismos, todo o excesso e desperdício acarretará um desequilíbrio no ecossistema, que porá em risco a sobrevivência do próprio Homem, há que ter sempre presente que "sabendo usar não vai faltar" e "Toda acção corresponde a uma reação"...se agride a natureza, esta reagirá e será que ele, Homem, é forte o suficiente para não sucumbir ou sofrer as consequências dessa reação da natureza?

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Stress...sinfonia desafinada



O pensamento por vezes desenrola-se com o encadeamento de ideias a apartir de associação de palavras: palavra puxa palavra, ideia puxa ideia e como esta semana esteve num tom que variou do cinzento ao preto e no horizonte nuvens negras carregadas leva a retomar o tema dos sons e das cores. Supondo que organismo possui uma sinfonia fisiológica harmoniosa, conforme foi dito no Post anterior, então o stress faria com que o organismo toque uma sinfonia desafinada, por isso:

Relaxar e visualizar com música não é um mero passatempo que nada tem a ver com a saúde. Muito ao contrário. A pesquisa demonstrou que o stress altera a química do corpo em muitos modos, um dos mais significativos é que, quando o stress é muito acentuado, a resistência às doenças diminui. Segundo os trabalhos de muitos médicos, tudo indica que quase todas as doenças - do câncer ao resfriado comum - são afetadas negativamente pelo stress.Essas pesquisas defendem a opinião de que as pessoas podem fazer algo para aliviar o stress, evitando assim tornarem-se suas vítimas. As técnicas para aliviar stress por meio da música podem ser aplicadas em casa, no escritório, às vezes até no automóvel, ou onde for mais conveniente. O uso de música calmante e animadora põe você em contato com um reservatório universal que envia mensagens ao seu corpo para relaxar e o ajuda a entrar em harmonia. A mente e a imaginação, por meio da criação de imagens mentais induzidas ou não e outras respostas sensoriais, podem favorecer essa resposta relaxante. Assim, além do prazer da criação de imagens mentais, você estará promovendo a própria saúde e harmonia interna.
Um Exercício: Como Relaxar com Imaginação Interior
O exercício seguinte sugere um meio de introduzir a imaginação no seu relax enquanto escuta uma boa música. Pode ser usado com centenas de variações, limitadas somente por sua imaginação naturalmente criativa e fértil.

1. Escolha hora e local em que não possa ser perturbado, a fim de concentrar toda a sua atenção na música calmante e relaxante que escolheu.
2. Fique em posição confortável, sentado ou deitado.
3. Feche os olhos e respire fundo três vezes, o suficiente para convidar seu corpo ao relaxamento e fazê-lo saber que deve ficar relaxado enquanto a música toca.
4. Quando se sentir relaxado, ligue a música.
5. Enquanto a música toca, deixe que sua imaginação visualize cenas agradáveis. Algumas cenas favoritas são campos floridos, um regato límpido e cintilante, a praia e o mar.
6. Quando a cena parece estar presente, incentive sua imaginação, não só a ver o cenário, mas também a ouvir os sons, tocar as coisas que estão lá, sentir o gosto e o cheiro. Participe ativamente da cena. Procure fazer parte da relva, das flores, da areia, da água, ou seja o que for que esteja lá.

Desse modo, passe o tempo agradavelmente em relaxamento profundo.Visualização Criativa do que Você Realmente DesejaComo uma alternativa da criação de imagens mentais sugerida acima, talvez você prefira, enquanto ouve a música, visualizar algo que deseja alcançar na vida, algum resultado que realmente quer conseguir. Pode imaginá-lo dentro da sua vida. Ou pode se ver desfrutando nesse momento o que deseja atingir.http://br.geocities.com/drbaffa/relax.htm

E como canta Lulu Santos…

Não existiria som se não houvesse o silêncio
Não haveria luz se não fosse a escuridão
A vida é mesmo assim Dia e noite, não e sim

Cada voz que canta o amor não diz tudo o que quer dizer
Tudo que cala fala mais alto ao coração
Silenciosamente
Eu te falo com paixão

Eu te amo calado Como quem ouve uma sinfonia
De silêncio e de luz
Nós somos medo e desejo
Somos feitos de silêncio e som
Tem certas coisas que eu não sei dizer

A vida é mesmo assim
Dia e noite, não e sim

Eu te amo calado
Como quem ouve uma sinfonia
De silêncio e de luz

Nós somos medo e desejo
Somos feitos de silêncio e som
Tem certas coisas que eu não sei dizer
(E digo)”

Então, diante disto, relaxe... dê condições ao seu organismo de tocar a sinfonia fisiológica que integra os arcodes da magnífica Sinfonia harmoniosa do Universo.

Sons e cores...influência na saúde



O mundo que nos cerca é composto dos mais variados sons e cores. Para muitos o nosso organismo sofre influência dos sons e das cores, daí surgirem várias terapias, como a cromoterapia, a musicoterapia, canto dos cristais, terapias energéticas, entre outras, que têm como substrato as cores e os sons.

No canto dos cristais há o fundamento de que:

O tom puro e contínuo sempre foi buscado em diversas culturas em suas práticas sagradas. Há milhares de anos as civilizações do Oriente já faziam uso de sons específicos nos rituais. Também encontramos registros dessas práticas entre os aborígines australianos e os índios americanos, que já utilizavam o som para reforçar suas práticas mágicas e cerimônias sagradas, assim como para obter a cura, ajustando qualquer desequilíbrio espiritual, emocional ou físico. Os sacerdotes do antigo Egito souberam usar sons vocálicos para ativar os centros de energia ou chakras. O profeta Edgar Cayce, em várias de suas leituras, falou sobre a cura através dos tons puros que começariam a surgir no final do século XX, assim como Nostradamus predisse a cura de doenças pelo poder dos sons por volta de 1998. Encontramos o som contínuo nos cantos poderosos dos monges tibetanos e nos sinos, gongos e carrilhões utilizados para esse propósito. Mas esse tom puro é muito difícil de ser obtido, daí que surge o poder do som dos cristais, obtido de suas tigelas. Como elas são feitas de um puríssimo cristal de quartzo, conseguem emitir a desejada nota pura e contínua quando tocadas com um bastão, produzindo o que chamamos de sons circulares. De fato, todos os que ouvem os sons cristalinos sentem que são envolvidos por ondas de energia espiraladas.

Por isso os sons cristalinos são formas de medicamentos vibracionais, validando a ideia de que tudo no universo está em constante estado de vibração. Quando essas frequências vibratórias encontram-se em desequilíbrio em nosso ser, manifestamos doenças físicas ou emocionais.A frequência na qual um objeto ou uma pessoa vibra naturalmente é chamada de ressonância. O chakras, ossos, e órgãos do corpo possuem frequências ressonantes diferentes. Quando um órgão ou alguma parte do corpo possui uma vibração desafinada ou desarmônica, passa a ser classificado de "doente". Um corpo está em um estado saudável quando cada célula e cada órgão criam uma ressonância harmônica com todo o ser.http://www.guruweb.com.br/artigos/artigo.php?id=103

Em termos energéticos alguns pesquisadores percorreram a História e relatam:

Os antigos gregos já sabiam da relação entre os chakras (pontos energéticos localizados no corpo) e os sons da escala musical. O sistema Pitagórico dá essa relação entre os chakras e os sons da escala musical, onde cada nota corresponde a um vórtice ou chakra e para cada som produzido, forma-se uma cor própria. O corpo humano é um conjunto de elementos mecânicos ressonantes. Cada órgão vibra de acordo com sua forma, tamanho e constituição, assim sendo, cada disfunção de um órgão apresenta uma alteração na sua ressonância. Isto comprovado por meio de uma emissão de estímulos sonoros, de uma frequência análoga, sobre um determinado órgão. Desta forma, podemos deduzir a tônica fundamental de todos os órgãos que compõem o corpo humano. A utilização das freqüências corretas dessas vibrações pode mudar totalmente nosso estado físico e sutil, nos conduzindo a estados alterados de consciência onde podemos obter desde um profundo relaxamento até fantásticas percepções extra físicas.


Alguns pesquisadores aprofundaram suas pesquisas sobre o organismo ter uma sinfonia fisiológica própria, havendo neste ponto uma congruência com as pesquisas realizadas e utilizadas no canto dos cristais:

Nos EEUU Steve Halpern e o Dr. Golberg, pesquisando em doentes com câncer, desenvolveram a teoria da "Sinfonia Fisiológica do Organismo", comprovando que quando o organismo humano perde seu compasso musical, se afasta do seu "biorritmo", penetrando então a doença. Em função dessa descoberta compuseram várias músicas, sendo "Spectrum Suite", a mais conhecida e usada em hospitais do Câncer nos EEUU, para sincronizar e harmonizar os organismos de doentes; também é muito eficaz no tratamento em alguns tipos de câncer, especialmente os linfáticos. Também nos EEUU o Dr. Kaplan criou o "Neurofono" um aparelho especial que mede a influência das ondas sonoras no cérebro e no sistema nervoso, demonstrando que apesar de bloqueios auditivos colocados nos ouvidos, o cérebro e o sistema nervoso continuam recebendo a vibração sonora através da pele e dos ossos. O Dr. Wilson Bryan que pesquisou sobre jovens, com 5 anos ouvindo Rock, verificou que mais de 60% deles eram obrigados a usar Prótese Auditiva.Isto certamente demonstra que música acima de 120 decibéis, destrói o tímpano e que uma exposição de 100 minutos a músicas acima de 80 decibéis, pode levar até 36 horas para uma recuperação dos ouvidos. A música acima de 80 decibéis, influi no mecanismo eletroquímico do cérebro através da mielina, substância dos neurônios, que transmite as mensagens do cérebro a uma velocidade cerca de 523 Km/h, retardando em até 50% a transmissão.http://br.geocities.com/drbaffa/musica.htm

As pessoas no seu dia-a-dia estão expostas a constantes agressões que causam danos ao organismo, como o stress, porém o Universo coloca á disposição uma miríade de "ferramentas" que protejem e ajudam a combater ou aliviar os danos consequentes às agressões a que está submetido, algumas delas já foram mencionadas. Cabe a cada um utilizar a ferramenta mais apropriada para atender as necessidades básicas (branditblog.wordpress.com/tag/piramide-de-maslow/)do seu ser e para o tipo de problema que afeta a saúde e o seu equilíbrio harmonioso.



quinta-feira, 14 de maio de 2009

Cor da roupa que usamos...gosto ou estado de espírito?




A escolha da cor da roupa pode ser por gosto, por estado de espírito, por terapia ou por ritual.
Ao longo da história, 2 cores, os limites do espectro das cores, a branca e a preta são utilizadas em rituais distintos, a branca nos rituais do bem onde há a evocação da luz e a preta nos rituais do mal, evocação das trevas. Porém a cor preta também tradicionalmente é utilizada como representativa do estado de luto pela morte de um ente querido.
É estranho como dentro do estado de luto o uso da cor preta pode assumir vários significados: estado de espírito em que o coração está triste e amargurado pela dor e sofrimento pela ausência de um ente querido, perda de entusiasmo pela vida como se esta não tivesse mais nehuma cor ou brilho, uma convenção social, uma forma de evitar falatórios, comentários ou críticas.
Mais estranho ainda é que uma vez sentida a necessidade de por a roupa preta no período do luto, depois desse período (segundo pesquisas é considerado normal até 2 anos do falecimento, embora penso que ele possa nunca terminar sem que isso acarreta algum dano mental ou doença) parece que as pessoas se habituaram à cor e não conseguem usar outra cor, mas o curioso é que é somente em relação ao vestuário próprio, porque em termos de desenho ou imagem as cores continuam existindo.

Em relação à cor como terapia, cromoterapia, vamos encontrar, segundo alguns pesquisadores, que as cores possuem significado próprio e que estas influenciam o estado de espírito, inclusive alguns afirmam que as cores têm sons característicos próprios:

É um facto que as cores têm uma grande influência psicológica sobre o ser humano. Existem cores que se apresentam como estimulantes, alegres, optimistas, outras serenas e tranquilas, entre outros.
Assim, quando o Homem tomou consciência desta realidade, aprendeu a usar as cores como estímulos para encontrar determinadas respostas e, a cor que durante muito tempo só teve finalidades estéticas, passou a ter também finalidades e funcionalidades práticas.
É possível pois, compreender a simbologia das cores e através delas dar e receber informações.

Vejamos alguns exemplos de cores e sua simbologia:

O preto está associado à ideia de morte, luto ou terror, no entanto também se liga ao mistério e à fantasia, sendo hoje em dia uma cor com valor de uma certa sofisticação e luxo.
Significa também dignidade.
Há quem diga que serve de escudo contra os maus espíritos. Há quem diga também que "disfarça as gordurinhas".
O branco associa-se à ideia de paz, de calma, de pureza. Também está associado ao frio e à limpeza. Significa inocência e pureza.

O cinzento pode simbolizar o medo ou a depressão, mas é também uma cor que transmite estabilidade, sucesso e qualidade.

O Bege é uma cor que transmite calma e passividade. Está associada à melancolia e ao clássico.

O Vermelho é a cor da paixão e do sentimento. Simboliza o amor, o desejo, mas também simboliza o orgulho, a violência, a agressividade ou o poder.

O Vermelho escuro significa elegância, requinte e liderança.
O Verde significa vigor, juventude, frescor, esperança e calma.

O Verde-escuro está associado ao masculino, lembra grandeza, como um oceano. É uma cor que simboliza tudo o que é viril.

O Verde-claro significa contentamento e protecção.

O Amarelo transmite calor, luz e descontracção. Simbolicamente está associado à prosperidade. É também uma cor energética, activa que transmite optimismo. Está associada ao Verão.

O Laranja é uma cor quente, tal como o amarelo e o vermelho. É pois uma cor activa que, significa movimento e espontaneidade.
O Azul é a cor do céu, do espírito e do pensamento. Simboliza a lealdade, a fidelidade, a personalidade e subtileza. Simboliza também o ideal e o sonho. É a mais fria das cores frias.

O Azul-escuro, é considerada uma cor romântica, talvez porque lembre a cor do mar, no entanto é uma cor que se associa a uma certa falta de coragem ou monotonia.

O Azul claro significa tranquilidade, compreensão e frescura.

O Castanho é a cor da Terra. Esta cor significa maturidade, consciência e responsabilidade. Está ainda associada ao conforto, estabilidade, resistência e simplicidade.

O Roxo transmite a sensação de tristeza. Significa prosperidade, nobreza e respeito.

O Lilás, significa espiritualidade e intuição.

O Rosa significa beleza, saúde, sensualidade e também romantismo.

O Rosa claro está associado ao feminino. Remete para algo amoroso, carinhoso, terno, suave e ao mesmo tempo para uma certa fragilidade e delicadeza. Está ainda associado à compaixão.

O Salmão está associado à felicidade e à harmonia.

O prateado ou cor prata é uma cor associada ao moderno, às novas tecnologias, à novidade, à inovação.

O Dourado ou cor ouro está simbolicamente associado ao ouro e à riqueza, a algo majestoso.
http://olhandoacor.web.simplesnet.pt/significado_das_cores.htm

Fundamentado no significado das cores, a cromoterapia ( dentro da chamada medicina alternativa) as cores da seguinte forma:
VIOLETA(INTERACTIVO) é utilizado para a dimensão espiritual=> Dores de cabeça, enxaquecas, insónia, infecções renais, irritabilidade e calvice podem ser tratados com esta cor. Pode conseguir-se uma pele melhor.
INDIGO beneficia situações de doenças nos olhos, ouvidos e nariz - cataratas, dores de ouvidos, falta de motivação, desordens nervosas e problemas coma a meditação.

AZUL é anti-inflamatório e antiséptico. Beneficia no acne, infecções da bexiga, queimaduras, febre, infecções, problemas dos dentes em bebés e erupções cutâneas. Auxilia em desordens da tiróide e garganta irritada.
VERDE diminui o stresse. É benéfico no sistema circulatório. Reforça o sistema imunitário. Pode ser utilizado na diminuição dos níveis de tensão arterial e no controlo de úlceras.

AMARELO tem 3 tipos de funções diferentes: Pode estimular o sistema nervoso, ajudar a lidar com emoções e a activar faculdades mentais. Ajuda na concentração, vigia e pensamento lógico. É benéfico para a pele e correcção do peso - um copo de água amarela meia-hora antes de comer deve mostrar resultados. Infecçõesurinárias, problemas hepáticos e desordens estomacais e nasais.

LARANJA é benéfico para: problemas menstruais, anemia, obstipação, diabetes e bloqueios mentais e emocionais. Também auxilia na recuperação da depressão e mostra-se benéfico para a anemia, artrite, congestão, rigidez, cansaço e letargia e sinusite. Também ajuda a elevara pressão sanguínea.

CORES PASTEL e sombras ESCURAS tais como pêssego (combinação de amarelo e vermelho) ou cor-de-rosa (mistura de vermelho e branco) ou até mesmo um azul iridiscente podem ser utilizados para a hipertensão, em que o azul é usado como purificante, mas num nível diferente.


quarta-feira, 13 de maio de 2009

Novo concurso...novo desafio!




O Henrique lançou um novo concurso, ou melhor uma nova frase feita para que seja dito o seu significado:


Filho do Sol Neto da Lua
Pensei em:
Alguém que é trabalhador, ou alguém que irradia ou reflete luz ("iluminado").
Gostei muito da frase escolhida, independente do seu significado (ao que pude constatar estas duas tentativas estão muito longe de corresponder ao seu real significado), porque tudo que diz respeito ao Sol, assim como ao céu e ao mar, deixa-me magnetizada e sou atraída como se houvesse um imã a puxar


Quem quiser participar não só pode, como deve fazê-lo no Blogue do Henrique até dia 17/5/09
Mais uma vez parabéns ao Henrique, pela iniciativa de revelar a riqueza da Língua Portuguesa, através das frases feitas ou ditos populares.


domingo, 10 de maio de 2009

Semana da Vida...lembrança da morte!


Esta semana é dedicada à vida, instituída pelo Vaticano, para reflexão sobre a vida, ou melhor sobre o direito à vida, esta com qualidade e a quem pertence à vida. Para que as pessoas reflitam sobre temas polêmicos como o aborto, eutanásia e tudo que esteja relacionado com à vida.
Alguns pontos de reflexão da cessação da vida, como alívio de sofrimento, deixando de lado aquela que é produto de pessoas com desvio de comportamento, de carater e personalidade ou desprovidos de humanidade, os assassinos ou marginais.

Primeiro ponto, o aborto, quando não há medicamente indicações para interrupção da gravidez, trata-se de um homicídio, que pode ter atenuantes e são estes que a corrente pró aborto se baseiam para tornar o aborto legalizado. O aborto em nada se distingue dos assassinatos que assombram à sociedade nos tempos que correm, se estes são cometidos com armas de fogo, armas brancas ou explosivos, aqueles são cometidos com armas químicas e outras armas não classificadas como tal (um aspirador por exemplo). Qual a diferença entre interromper à vida in útero, ou interromper a vida fora do útero, como no caso recentemente noticiado de várias crianças que foram mortas porque um (ou grupo) desequilibrado mental, um fanático, diria mais um "lunático" coloca uma bomba junto à uma escola? a diferença é que neste há o extermínio da descendência do próximo e naquele há o extermínio da própria descendência.

Segundo ponto a eutanásia (morte boa) é uma forma de extermínio da vida só que imbuída de "boas intenções" como o alívio do sofrimento. Mas a quem pertence à vida? aquele que padece de um sofrimento? aqueles que têm a função de aliviar o sofrimento? à família e amigos daquele que sofre? ou a Deus, o criador da vida? Se não podemos definir o que seja a vida ou a sua origem, como podemos decidir quando esta deverá cessar?
O sofrimento por vezes pode ser insuportável e insustentável, para quem o padece e para os seus entes queridos (às vezes a dor de ver um ente querido sofrendo é muito maior do que seria se fosse em nós próprios) isto é um fato incontestável, mas terminar com a vida não é a solução, quem pode garantir que a morte trará alívio ao sofrimento? será que não o prolongará eternamente e até quem sabe de forma mais aumentada? se assim não fosse como justificar o terror expresso no último olhar de um ente querido ao regressar de um coma, provavelmente fora induzido, pela medicação analgésica, segundos antes de partir? se partir fosse o alívio do sofrimento então o olhar seria de alívio, sereno e não de terror.

Terceiro ponto o suicídio, a forma voluntária de acabar com a vida, porque padece de um sofrimento atroz, muitas das vezes não por doença física, mas por doença do espírito, que faz com que a pessoa perca o rumo na vida, sua energia vital fique debilitada, o que faz com que coma por comer (quando come), ande por andar (quando anda), descuide da aparência e até da higiene pessoal, sem nenhum incentivo ou motivação, sem perspectivas de vida, como se estivesse sozinho dentro de um túnel escuro, assim encontra a solução no término da vida, uma solução de covardia perante à vida, mas de coragem diante da morte, mas que na verdade não busca cessar à vida e sim alívio do sofrimento, como num dos cursos de monitoria em Primeiros Socorros ministrado pela Cruz Vermelha Brasileira, os bombeiros mostraram imagens de pessoas que se atiraram de prédios, que captaram com precisão que por frações de segundos essas pessoas viraram-se na tentativa de voltar atrás, como que arrependidas, mas tragicamente em vão.

A solução para o sofrimento passa por encontrar meios de aliviá-lo, atenuá-lo ou torná-lo suportável. Tarefa que cabe:

Aos cientistas... pesquisarem em termos químicos, físicos, biológicos o que é necessário para minimizar o sofrimento físico.

Aos médicos ... aplicar os recursos disponibilizados pelos cientistas consoante cada situação apresentada.

Aos líderes espirituais ... fortalecer o espírito, através do conforto e da reconciliação para que a paz interior seja restabelecida.

Aos familiares e amigos ... acompanhar seu ente querido, de atender às suas necessidades ( respiração, alimento, higiene, segurança, conforto, companhia) e procurar as ajudas técnicas disponíveis de acordo com a situação, de forma a promover a máxima qualidade de vida possível, com menos esforço e sacrifício para aquele que sofre e para os prestadores de cuidados.

Aos próprios que estão sofrendo... buscar dentro de si a força interior para modificar o seu comportamento perante a situação: Amainar a revolta sentida; aliviar possíveis culpas ou remorsos; repensar a sua forma de estar na vida; Se tiver uma doença incurável, terminal, tomar as devidas providências para resolver tudo que precisa ser resolvido e que depende exclusivamente de si; fazer hoje o que adiou ou deixou de fazer pensando no futuro, considerar que o amanhã não virá, fazer planos para o agora; Manter a mente ocupada com pensamentos úteis, executar tarefas que tenha condição de fazer; Lembrar que quanto mais pensar no sofrimento, mais este aumenta de tamanho.
A vida tem o momento certo para começar e para terminar...
... pertence a Deus, só ele a dá, só ele a pode tirar.

sábado, 9 de maio de 2009

Um pedido dos animais para os Homens


Um pedido para você... Homem:
(adapatada de um mail recebido em apresentação Powerpoint)

Se servimos para aplacar a tua solidão...


Se servimos para que te sintas importante quando voltas para casa...


Se servimos para lamber tuas lágrimas quando estás triste...


Se servimos para que não passeies sozinho no final da tarde...


Se servimos para te proteger da violência do teu semelhante...


Se servimos para proteger teus filhos quando não estás presente...


Se servimos para que o seu coração não seja o único a bater dentro da sua casa...


Se servimos para que te divirtas brincando...


Se servimos para o seu silêncio comas nossas vozes...


Se servimos para que a tua mão afague um pelo macio...


Se servimos para que carregues alimento e trabalho em nossas costas...


Se servimos para que seus olhos se encham da beleza das nossas plumas...


Se servimos para chorarmos pela tua morte quando não tens mais ninguém para chorar por ti...

Então não nos maltrate!!!


Não descontes a tua tristeza no nosso frágil corpo...


Não nos abandone a própria sorte...


Não te afastes tanto, de forma a não conseguir te encontrar...


Respeite nossos sentimentos...porque todos nós considerados racionais, temos sentimentos...


...Basta olhar bem dentro dos nossos olhos...


...E verás que lá está escrito tudo o que aqui foi dito...


Cuide de mim e dos meus filhos...


...Como cuida dos teus...


...Pois cuido de ti e dos teus filhos...


Como cuido dos meus...


Sejas meu amigo e te serei eternamente grato!!!


...E o dia que eu partir...Chores de saudades e não, de arrependimento por me teres maltratado!!!


Somos um cão...


...Um gato...


...Um cavalo...


...Um pássaro...


Enfim... Somos todos os animais do mundo...todos que aqui estamos...


... Pelas mãos de Deus!!!


Respeite!!!


...Conscientize...


Cuide!!!


"Quando o Homem aprender a respeitar todos os seres da criação...ninguém precisará ensiná-lo a amar seu semelhante".

A Razão do Amor

Um texto (mais um a juntar a tantos outros) sobre o amor, recebido por mail (não trazia o autor), mostrando o perfil da ausência do amor
AME!
porque...
A inteligência sem amor te faz perverso.
A justiça sem amor te faz implacável.
A diplomacia sem amor te faz hipócrita
O êxito sem amor te faz arrogante.
A riqueza sem amor te faz avaro.

A beleza sem amor te faz fútil.
A autoridade sem amor te faz tirano
O trabalho sem amor te faz escravo.
A simplicidade sem amor te deprecia

A lei sem amor te escraviza.
A política sem amor te deixa egoísta.
A fé sem amor te deixa fanático.
A cruz sem amor se converte em tortura.
A vida sem amor... não tem sentido !


sexta-feira, 8 de maio de 2009

Rir é o melhor remédio, mas...

Rir é sempre um bom remédio para modificar o nosso estado de espírito e modificar a energia á nossa volta. Mas como rir, se...
... tudo aponta para que fiquemos zangados, tristes, decepcionados?

... somos responsáveis e honramos nossos compromissos, mas por irresponsabilidade dos outros acabamos por sermos incluídos nessa leva? como no caso de um jogo integrante de um torneio, onde a equipe perde, vergonhosamente, por falta de comparência, porque elementos da equipe faltam por serem irresponsáveis e imaturos.

... confiamos nas palavras das pessoas e essas são falsas e mentirosas?

... pessoas publicamente mancham a reputação de um profissional de forma covarde, através de dados e fatos que não correspondem à verdade?

... as pessoas prometem fazer algo ou dão prazos e depois falham?

... há crise na economia acarretando desemprego, aumentando a pobreza, intensificando a miséria?

... corremos a vida todo atrás de um sonho e quando realizamos vemos que estávamos iludidos e a realidade é completamente diferente daquilo que imaginávamos ou pensávamos que fosse?

... envelhecemos e começamos a sentir mais limitações, por vezes dores?

Muitos "se" ainda poderia ser lembrado, mas não adiantaria de nada, assim como não adianta ficar "lambendo ferida" num canto, ou se lamuriando, sentindo-se vítima ou um coitadinho para que os outros sintam pena. Para evitar que isso aconteça devemos lembrar que:

... É na adversidade ou nas condições desfavoráveis que temos que agir e mudar nosso estado de espírito para conseguir rir, porque quando tudo está bem, ou quando ouve-se uma anedota, o riso sai fácil e até espontaneamente;

... É nos momento difíceis que precisamos descobrir algo que nos faça pelo menos esboçar um sorriso, como lembrarmos que amamos, somos correspondidos, mesmo que por vezes, esse amor, embora eterno, não tenha futuro, só passado e momentos instantâneos no presente;

... Dramatizar ou super valorizar o que muitas vezes tem um valor muito ínfimo causa um dano acentuado ao nosso ser;

... Não devemos criar expectativas a cerca dos outros e muito menos fazer cobranças, porque, por exemplo, quem não é responsável, não o será porque cobramos responsabilidade;


... Guardar "lixo" não deixa espaço para o que é essencial e necessário ao nosso espírito: Amor, Luz, Paz;

... O que passou... passou! Não adianta ficar remoendo acontecimentos negativos, conflitos ou pessoas e situações geradoras de conflito, que em nada vão servir, o tempo não para e muito menos volta a trás. Se nos puxaram o tapete e caímos, é levantar, sacudir a poeira e seguir em frente para conseguirmos formar uma boa base de forma que não tombemos, quando tentarem novamente puxar o tapete debaixo dos nossos pés.
... Não adianta chorar pelo leite derramado! É "ir a luta", "correr atrás do prejuízo", utilizar cada obstáculo como um degrau para subir mais alto.

... Rir continua sendo a melhor solução apesar de todos os "mas" ou "se"!

Então o que está esperando para sorrir?

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Condutas e atitudes...um caldeirão de emoções!

Tem dias e até semanas inteiras em que a vida se transforma num caldeirão de emoções, as energias positivas mesclam-se com as energias negativas, por vezes estas tentam abafar aquelas, subtraindo a nossa energia vital, porém algum acontecimento ou vários em simultâneo faz com que essa situação seja revertida em favor da energia positiva e passamos rapidamente do estado de depressão, desânimo, baixa da auto-estima de outrora, para um estado de serenidade, de êxtase que nos revigora e faz com que recuperemos a nossa auto-estima.
As nossas condutas geram atitudes e são essas que vão fazer com que o prato da balança penda para a energia negativa ou positiva.
Como tudo tem uma razão de ser e acontece no momento certo, ao procurar, no arquivo pessoal, uma apresentação em PowerPoint, para adaptar a descrição de um momento mágico e emocionante, encontrei esta mensagem : "Alfabeto Emocional", que não podia estar mais dentro do contexto:
O Dr. Juan Hitzig estudou as características de alguns longevos saudáveis e concluiu que além das características biológicas, o denominador comum entre todos eles está em suas condutas e atitudes:

“Cada pensamento gera uma emoção e cada emoção mobiliza um circuito hormonal que terá
impacto nos trilhões de células que formam um organismo – explica - As condutas “S”: serenidade, silêncio, sabedoria, sabor, sexo, sono, sorriso, promovem secreção de Serotonina,

…enquanto que as condutas “R”:

Ressentimento, raiva, rancor, repressão, resistências, facilitam a secreção de CoRtisol, um hormônio coRRosivo para as células, que acelera o envelhecimento.
As condutas “S” geram atitudes “A”: Ânimo, amor, apreço, amizade, aproximação.

As condutas “R” pelo contrário geram atitudes “D”: depressão, desânimo, desespero, desolação

Aprendendo este alfabeto emocional, lograremos viver mais tempo e melhor,
porque o “sangue ruim” (muito cortisol e pouca serotonina) deteriora a saúde, oportuniza as doenças e acelera o envelhecimento.
O bom humor, pelo contrário, é a chave para a longevidade saudável.”
Tenha uma excelente vida!
Plena de Serotonina!!!"
Tendo por base o efeito desse neurotransmissor, serotonina, existem várias pesquisas que apontam o chocolate como tendo e sendo um elemento serotoninérgico, ou seja provoca a libertação da serotonina, que também é chamada a amina do prazer e bem estar ou os seus efeitos no organismo. Algumas pessoas empiricamente descobriram isso, daí a clássica cena dos filmes onde a "mocinha" deprimida porque o seu amor foi embora, compensa esse estado, devorando uma caixa de bombons de chocolate.

Exageros à parte, o chocolate tem esse poder mágico, falo por experiência pessoal, embora de forma empírica, de devolver a energia, e melhorar o estado de ânimo, de deixar a pessoa menos "down" ou até eufórica. É claro que deve existir alguns efeitos menos positivos decorrentes do excesso de calorias que se não forem bem geridas, podem ocasionar acumulo no tecido gorduroso, contribuindo para o aumento do peso, aumento do açúcar no sangue e talvez aumento da gordura no sangue.

Contudo há que haver equilíbrio, se ingerirmos excessos de calorias (independente de sua fonte) devemos promover o seu desgaste através do exercício ou atividade física, mas também devemos ponderar sobre o que é mais prioritário no momento sentir os efeitos benéficos (recuperar a energia) ou evitar os efeitos maléficos para manter a "silueta" mas sem ou baixa de energia, é óbvio, isso, quando não conseguimos por nós próprios, mudarmos a atitude conforme mencionado no alfabeto emocional.

terça-feira, 5 de maio de 2009

Um concurso interessante

O Henrique Antunes Ferreira em seu comentário no post coeficiente emocional condicionante do sucesso... deixou o seguinte convite:
Henrique ANTUNES FERREIRA disse...
PASSATEMPO/CONCURSO Ceu azulinho
Está a decorrer n’A Minha Travessa do Ferreira, um novo passatempo/concurso sobre o tema Frases feitas. Vai até sexta-feira, 8. Há prémios diversos para os três vencedores, incluindo os «prémios/mistério» que têm sido muito bem acolhidos por que os tem ganho. Se quiseres dar lá um saltinho e tentar a sorte – muito obrigado. E passa a informação aos teus amigos e correspondentes, por favor. Lá te espero e a eles também…Qjsa

A frase feita que lá encontrará é: Estar o carneiro a dar mugem

Já propus os seguintes significados:
Terá o mesmo significado de "estar a dar música"?Ou terá o mesmo significado de "dar graxa"?ou quem sabe o mesmo significado de dizer "amém" como uma "vaquinha de presépio"? depois pensei mais um pouquinho e novas propostas encontrei:

"queixando-se";"lamentando-se"; "lamúriando-se"; ou quem sabe "choramingando".

Mas nenhum corresponde ao real significado, agora porque estou com sono lembrei de propor: "dar sono" ou "ser enfadonho"?

É caso para dizer: Puxa! como a Língua Portuguesa é rica não só de vocábulos e expressões como de significados múltiplos.

Não que esteja tentando pelo prêmio oferecido, porque o faria mesmo que não houvesse prêmio algum, apenas porque é um "desafio linguístico" e todo o desafio é estimulante e muito enriquecedor, não só porque nos testamos, mas porque aprendemos algo novo que dificilmente esqueceremos pela forma motivante como o fizemos.

Parabéns ao Henrique pela iniciativa e que haja muita participação! de forma a que essa ideia tenha eco.
Quem quiser participar pode fazê-lo no Blogue do Henrique até dia 8/5/09

segunda-feira, 4 de maio de 2009

A propósito de uma injustiça imposta pela sociedade!

A vida em sociedade é algo complexo, mais ainda quando esta impõe regras injustas, como o caso de um chefe de família que construiu um mundo melhor a sua volta, com seu esforço, suor e sacrifício, por vezes sem ter o que comer, consegue possuir alguns bens materiais e proporcionar estudos aos filhos, aquilo que não teve, além de fartura na mesa e tudo que a família necessitava para se desenvolver e crescer. De repente a vida lhe rouba a sua companheira. Quando precisa movimentar algum bem material que lhe pertence, eis que a sociedade lhe exige o consentimento dos filhos e respectivos cônjuges para agir.
Quão injusta é essa exigência! o que os filhos ou os respectivos cônjuges fizeram ou contribuíram para a aquisição desses bens? nada! muitas vezes até ajudaram a dilapidá-los. Então porque o pai, estando de posse de suas faculdades mentais, não pode dispor e usufruir daquilo que foi uma conquista sua, sem que houvesse ajuda de ninguém, de forma livre, sem ter que se submeter a uma aprovação ou consentimento dos filhos e respectivos cônjuges?

Isso causa uma revolta interior muito grande, principalmente quando não se tolera injustiças de espécie alguma. Mas admiravelmente, este pai, usando de sua compreensão, resigna-se e submete-se, ao invés de revoltar-se.

Diante daquilo que não se pode mudar, há que fazer por onde essa injustiça ser amainada, a forma de o fazer são os filhos e cônjuges passarem um procuração total única, para que o chefe da família possa dispor dos seus bens da forma que lhe aprouver no momento em que quiser, sem que seus passos sejam travados ou que a cada passo tenha que pedir permissão para desfrutar daquilo que lhes pertence de direito. Evitando assim uma humilhação ou injustiça, os filhos e respectivos cônjuges podem emitir opiniões que ajudem a não realizar maus negócios ou impeçam de causar destruição, por um passo errado, daquilo que tanto custou a conseguir, mas jamais deverão impor restrições, caso este esteja de posse de suas plenas capacidades mentais, principalmente se estiverem movidos pela ganância, de olho na possível herança que irão receber, que aliás, é um erro, os pais deixarem de desfrutar do que possuem para deixar alguma coisa para os filhos de herança. Se um filho precisa e os pais tem condição , devem ajudá-lo, agora não devem é passar sacrifícios para deixar alguma coisa, depois que morrerem, para os filhos . Muitas vezes uma herança só serve para provocar a desunião da família, brigas, discórdias, processos em tribunal. Porém, um erro maior , são os pais fazerem a partilha dos bens ainda vivos, porque podem vir a precisar e não ter o aconchego dos filhos. Lembro-me dos meus pais dizerem: "uma mãe cria 7 filhos, mas 7 filhos não criam uma mãe" que grande sabedoria, pois é o que vemos em alguns lares, os pais criaram muitos filhos, muitas vezes com enorme sacrifício, mas na velhice, pelas circunstâncias da vida ou por falta de amor dos filhos, esses pais passam a viver cada mês numa casa diferente, nos respectivos filhos ou então são abandonados num lar ou asilo.

domingo, 3 de maio de 2009

Mãe....Estrela Guia e Amor incondicional da Vida!

O dia das mães (no 1º Domingo de Maio em Portugal ou no 2º Domingo de maio no Brasil) foi instituído para que, pelo menos 1 dia no ano as mães sejam adoradas como a rainha do lar que é, mas que durante todos os dias abdica de ser rainha para ser escrava de sua família.
A mãe, não só aquela que gera um filho, mas aquela que cuida, da carinho, educa e prepara o filho (biológico ou afetivo) para a vida, é a expressão viva do amor total, incondicional e irrestrito, sem termo de comparação, somente encontrado em Deus. Ela é a Estrela guia que ajuda no caminho da vida.
Muitas vezes só nos apercebemos da magnitude desse amor quando já partiu, nessa altura é que passamos em revista a nossa vida e vemos que a nossa mãe sempre esteve connosco nos momentos difíceis, quando doentes ela é que perdia noites de sono para nos tratar, quando tínhamos medo lá estava ela para afastá-lo de nós, quantos sacrifícios passou por nós filhos, quantas vezes renunciou aquilo que gostava ou desejava para atender aos caprichos egoístas dos filhos. Quantas vezes perdeu tempo para preparar a comida que os filhos gostassem, para que estes, insensíveis, apenas reclamassem do tempero que não estava ao agrado. Tantos serviços que prestou aos filhos, cuidando da roupa, ajudando nos trabalhos de casa, muitas vezes sofrendo por tomar as dores dos filhos, aconselhando, orientando, se nem se quer receber um elogio ou um "obrigado", como se tivesse obrigação ou fosse criada dos filhos egocêntricos e egoístas, que não se dão conta que ela, mãe, também tem seus sonhos, desejos, enfim uma vida, que ela própria acaba por esquecer ou renunciar em prol dos filhos e da família.
Quantos filhos existem que no momento em que as mães (e os pais também)envelhecem, ficam cansadas, implicantes, quando mais precisam ser acarinhadas, as abandonam num lar, ou as põe de lado, como se fosse um trapo velho, inútil.
Também há situações em que os filhos passam a vida inteira atarefados com os seus afazeres, esperando um dia poder recompensar as suas mães, estarem mais tempo com elas e quando isso se torna possível é quando o crepúsculo da vida as leva, deixando um profundo vazio em seu lugar, uma escuridão tão grande dentro do peito, deixando-os sem rumo ou direção, como um barco à deriva .
Um recado para os filhos que têm a felicidade de ter a mãe viva: Faça tudo que puder para dar carinho, companhia, conforto e suprir suas necessidades, não deixe passar nenhuma oportunidade de dar um abraço e dizer o quanto a ama, não espere para fazê-lo somente no dia das mães, faço-o sempre, mesmo se ela por circunstâncias da vida, estiver com sinais de demência e pareça não entender qualquer gesto ou palavra que disser, ou se ela fizer as necessidades sem sentir, não tenha nojo, porque ela não teve nojo de você quando trocava as suas fraldas. Não adie para quando estiver menos ocupado ou com mais folga para estar junto dela, passear com ela, ou simplesmente ouvi-la. Se ela estiver longe e não puder estar a seu lado mais vezes, pelo menos por telefone, fale com ela, mais vezes, nem que seja: "liguei para dizer que a amo, precisa de alguma coisa?". Ofereça-lhe flores, mesmo que não seja dia festivo. Arranje sempre uma forma de manifestar o seu carinho, gratidão e reconhecimento pelo amor incondicional que ela lhe dedicou e por ter sido a luz da sua vida. Nunca se esqueça de que sem ela você não existiria.
Por fim uma mensagem para a minha Estrela Guia:
Querida mãe! Que o meu coração lhe alcance aonde quer que esteja e a faça sentir todo o amor e gratidão que tenho pela senhora e o pesar por não ter-lhe ajudado no momento que mais precisou , muito menos ter sabido recompensar todo o trabalho ou sacrifício que teve comigo, além de não ter correspondido às suas expectativas, e também o desejo de que esteja em Paz guiada pela Luz Divina.

sábado, 2 de maio de 2009

Coeficiente emocional ...condicionante do sucesso

Num comentário sobre inteligência emocional, o Pedro lembra sobre o coeficiente emocional (Q.E.), conceito que pode-se dizer recente, até então só se falava do coeficiente de inteligência (Q.I.), aliás esta abreviatura também passou a ser utilizada popularmente como "quem indica" em relação a muitos empregos que são dados não a quem tem um Q.I, não em relação ao coeficiente de inteligência e sim aquele que tem um "padrinho", neste contexto, em outros lugares essa abreviatura foi substituída pela expressão "fator C" ("cunha").
Na tentativa de aprofundar o tema, e continuando o tema, algumas transcrições encontradas:
1- Significado de inteligência emocional

Em relação ao coeficiente emocional, segundo, Dr. Goleman "Estudos comprovaram que o QI só define de 10% a 20% do sucesso na carreira quando analisado isoladamente", ele enfatiza que o coeficiente emocional é fundamental.
ele enfatiza que "também é importante lembrar que manter as aparências e ficar se "roendo por dentro" não é controle emocional, pelo contrário, isso pode acarretar no aumento de stress e em problemas de saúde".
O Dr. Goleman diz textualmente que “a consciencialidade e a lucidez são provavelmente as capacidades mais importantes do indivíduo, uma vez que permitem o exercício do autocontrolo”

Inteligência emocional é aquela em que o indivíduo sabe trabalhar as suas emoções, sabe reconhecê-las, controlá-las, e utilizá-las com melhor proveito na vida. E qual o melhor período de existência para trabalharmos a educação dos sentimentos? É a infância, fase vital da aprendizagem."



Segundo outros autores: "A Inteligência Emocional envolve a capacidade de perceber acuradamente, de avaliar e de expressar emoções; a capacidade de perceber e/ou gerar sentimentos quando eles facilitam o pensamento; a capacidade de compreender a emoção e o conhecimento emocional; e a capacidade de controlar emoções para promover o crescimento emocional e intelectual. (Mayer & Salovey, 1997, p. 15)
O processamento de informações emocionais é explicado através de um sistema de quatro níveis, que se organizam de acordo com a complexidade dos processos psicológicos que apresentam: a) percepção, avaliação e expressão da emoção; b) a emoção como facilitadora do pensamento; c) compreensão e análise de emoções; emprego do conhecimento emocional; e d) controle reflexivo de emoções para promover o crescimento emocional e intelectual, descritos a seguir.
A percepção, avaliação e expressão da emoção abrangem desde a capacidade de identificar emoções em si mesmo, em outras pessoas e em objetos ou condições físicas, até a capacidade de expressar essas emoções e as necessidades a elas relacionadas, e ainda, a capacidade de avaliar a autenticidade de uma expressão emocional, detectando sua veracidade, falsidade ou tentativa de manipulação. A emoção como facilitadora do ato de pensar diz respeito à utilização da emoção como um sistema de alerta que dirige a atenção e o pensamento para as informações (internas ou externas) mais importantes. A capacidade de gerar sentimentos em si mesmo pode ajudar uma pessoa a decidir, funcionando como um "ensaio", no qual as emoções podem ser geradas, sentidas, manipuladas e examinadas antes da tomada de decisão. A compreensão e análise de emoções (conhecimento emocional) incluem desde a capacidade de rotular emoções, englobando a capacidade de identificar diferenças e nuances entre elas (como gostar e amar), até a compreensão da possibilidade de sentimentos complexos, como amar e odiar uma mesma pessoa, bem como as transições de um sentimento para outro, como a de raiva para a vergonha, por exemplo. Finalmente, o controle reflexivo das emoções para promover o crescimento emocional e intelectual refere-se à capacidade de tolerar reações emocionais, agradáveis ou desagradáveis, compreendê-las sem exagero ou diminuição de sua importância, controlá-las ou descarregá-las no momento apropriado
.
http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-79722003000200008&script=sci_arttext&tlng=in


2- Mensuração da inteligência emocional

Um dos problemas mais evidentes relacionado à inteligência emocional é o de sua mensuração. Desde a proposição da inteligência social (Thorndike, 1920) que não se consegue desenvolver um instrumento confiável para medi-la. E sem esse recurso não é possível conhecer objetivamente suas características funcionais (e estruturais, mas esse é um outro problema) na mente humana.No entanto, a maioria das escalas construídas para avaliação da inteligência emocional tem se baseado em auto-relato, como por exemplo o O BarOn Emotional Quotient Inventory (BarOn Eq-i) (Bar-On, 1996, 1997) e a Medida de Inteligência Emocional (Siqueira, Barbosa & Alves, 1999), para citar apenas uma estrangeira e uma nacional, respectivamente. Ambos os instrumentos apresentam rigorosos estudos de construção, assim como boas propriedades psicométricas, mas são compostos de subescalas tradicionalmente associadas à traços de personalidade, habilidades sociais e outros construtos que não a inteligência.
O primeiro instrumento baseado em desempenho para avaliação da inteligência emocional lançado comercialmente foi a Multifactor Emotional Intelligence Scale (MEIS, Mayer, Salovey & Caruso, 1997). Esse instrumento é composto por 12 tarefas destinadas a investigar quatro ramificações da inteligência emocional (Mayer & Salovey, 1997): identificação das emoções, utilização das emoções, compreensão das emoções e gerenciamento das emoções. A primeira ramificação desse instrumento, relacionada à percepção de emoções, é constituída de tarefas em que os participantes têm de avaliar a presença de determinadas emoções em quatro tipos de estímulos: faces, músicas, quadros e histórias. A subescala histórias representa o estímulo verbal e as outras três os estímulos não-verbais. Essa ramificação da MEIS

A Escala Multifatorial de Inteligência emocional (The Multifactor Emotional Inteligence Scale – MEIS) segundo Roberts, Mendonza e Nascimento (2002) é composta de:1) Identificação/ percepção das emoções. A escala avaliou a capacidade do indivíduo em perceber e diferenciar as emoções em uma variedade de estímulos. É composto de quatro subescalas: faces, música , design ( gráficos gerados por computador) e histórias ( narrativas). Cada subescalas contém entre 42 a 48 estímulos que representam uma diversidade de emoções: raiva, tristeza, felicidade, medo, repugnância e surpresa. Os participantes foram solicitados a determinar os sentimentos que representam os estímulos baseados em uma escala de cinco pontos: (1) definitivamente não presente a (5) definitivamente presente.2)Assimilação das emoções. Tem como objetivo avaliar a capacidade do indivíduo em comparar as emoções e identificar aquelas que são contrárias ou influenciam outras sensações e pensamentos, assim como manter emoções que facilitem determinada ação ou pensamento. A escala foi formada de duas subescalas: sinestesia (seis cenas, 60 estímulos), em que os participantes foram solicitados a imaginar um determinado evento com sua correspondência emoção e, logo em seguida, a descrever as emoções sentidas em uma escala de diferencial semântico de cinco pontos: frio-morno, amarelo-roxo, perspicaz-torpe, rápido-lento, escuro-claro, baixo-alto, laranja-azul, agradável-desagradável, bom-ruim, azedo-doce; sentimentos enviesados (quatro cenas, 28 itens), em que os participantes foram convidados a imaginar os sentimentos de uma personagem descrita no cenário (ex. medo e angústia) e depois a julgarem a pessoa fictícia em sete traços (triste, confiável, tensa, cínica, agressiva, controlada, precipitada) utilizando uma escala de cinco pontos: (1) definitivamente não descreve e (5) definitivamente descreve."



3- Estratégias de coping

Quando um indivíduo é confrontado com acontecimentos de vida por ele avaliados como perturbadores, o seu organismo reage de forma a tentar gerir esses acontecimentos e ajustar-se a eles (Bishop, 1994). O coping é o conjunto de estratégias cognitivas e comportamentais desenvolvidas pelo sujeito para lidar com essas exigências internas e externas da relação pessoa-ambiente que são avaliadas como excessivas, e as reacções emocionais causadas por essas exigências (Lázaras & Folkman, 1984).

O coping é uma estratégia de adaptação. Tem como objectivo gerir um problema e modular a resposta emocional a esse problema. Conjunto dos esforços cognitivos e comportamentais do indivíduo que constituem um processo para lidar ou gerir solicitações específicas excessivas, independentemente da sua eficácia. Conjunto de estratégias para responder a um acontecimento stressante.



A mensuração do coeficiente emocional é muito difícil, porque os mecanismos de adaptação às situações são variados, sofre várias influências desde genética, meio ambiente, o próprio QI. Cada ser humano aplica as estratégias de coping de forma pessoal para responder a um acontecimento stressante e pode reagir a esses acontecimentos de forma igualmente variável e até imprevisível dependendo do seu momento interior na altura. Por exemplo a reação a uma mentira, se a pessoa estiver num momento interior de felicidade pode reagir de forma branda, porém se estiver num momento de stress, pode reagir de forma severa.


Cabe a cada um buscar o caminho para auto controlar as suas emoções e "tirar partido" das situações negativas e até conseguir transformá-las em positivas ou transformar um acontecimento a priori desfavorável num acontecimento favorável. Se conseguíssemos aplicar a frase popular "rir é o melhor remédio", rirmos até de nós próprios, não levar tudo muito a sério, inclusive não nos levarmos tão a sério, veríamos o quanto o sorriso, o riso é poderoso e dá saúde, pois alivia ou diminui o nível de stress trazendo-o para o nível necessário que nos permita conseguirmos ultrapassar os obstáculos, sem que o organismo pague a fatura (elevação da tensão arterial, elevação do açúcar no sangue, aumento da frequência cardíaca, alteração na qualidade do sono, falência de estruturas por exaustão, alteração do peso, cansaço ou fadiga, alteração no desempenho sexual, alteração da performance, alteração relacional, entre outras).